Tilidina - Informações

A tilidina é um opioide sintético indicado para o tratamento de dores intensas. Nessa página você tem acesso a todas as informações sobre Tilidina, como indicações de uso, contraindicações, efeitos colaterais, informações químicas, preço, história, origem, efeitos e outros. 

Índice de Conteúdo
- Informações
- História
- Indicações
- Efeitos Colaterais
- Contra Indicações
- Como Usar
- Média de Preço
- Outras Substâncias
- FAQ

Informações Básicas do Tilidina

Veja abaixo todos os detalhes e informações sobre Tilidina:

  • Nome: Tilidina
  • Nome em Inglês: Tilidine
  • Nome Genérico:
  • Tipo: Experimental
  • Fórmula Química: C17H23NO2

Informações Avançadas:

  • Nome químico: N,N-dimetil-2-(1-phenyl-2-piperidinyl)propanamide
  • Formula molecular: C24H34N2O
  • Peso molecular: 366.54 g/mol
  • Classe terapêutica: Analgésico opioide
  • Mecanismo da ação: Atua como agonista nos receptores opioides mu no sistema nervoso central
  • Forma de administração: Oral, intramuscular ou intravenosa

Tilidina - História, Descoberta e Origem

A tilidina é um medicamento analgésico, utilizado para tratar dores moderadas a intensas. Sua origem remonta ao final do século XIX, quando o químico alemão Otto Eisleb sintetizou pela primeira vez a molécula da tilidina em 1947. Entretanto, sua comercialização só foi aprovada em 1967, quando a empresa farmacêutica Grünenthal começou a produzi-la sob o nome de Valoron.

Inicialmente, a tilidina era utilizada apenas em países europeus, mas com o passar dos anos, sua eficácia no tratamento da dor foi comprovada e a droga começou a ser exportada para outros países, incluindo o Brasil. Aqui, a tilidina é vendida sob o nome de Dolantina, e é considerada uma substância controlada pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), devido ao seu potencial de causar dependência.

A tilidina age no sistema nervoso central, bloqueando a transmissão de impulsos dolorosos e promovendo alívio da dor. Além disso, ela também possui propriedades antitussígenas e antidiarreicas, sendo utilizada em alguns casos para tratar tosse e diarreia.

Apesar de ser um medicamento eficaz no alívio da dor, a tilidina também pode causar efeitos colaterais, como náuseas, sonolência, tontura e constipação. Além disso, seu uso prolongado pode levar ao desenvolvimento de tolerância e dependência, por isso é importante seguir as recomendações médicas e não utilizar o medicamento por longos períodos de tempo sem acompanhamento médico.

Em resumo, a tilidina é um medicamento com origem alemã, utilizado para tratar dores moderadas a intensas. Sua eficácia no alívio da dor é comprovada, mas é importante utilizar a droga com cautela e seguindo as orientações médicas para evitar efeitos colaterais e dependência.

Indicações de uso - Tilidina

Veja abaixo em quais ocasiões é recomendado o uso de Tilidina:

  • Para aliviar dores moderadas a intensas
  • Indicado para pacientes com dor crônica
  • Pode ser utilizado no tratamento de condições como fibromialgia, artrite, entre outras
  • Também pode ser usado para aliviar dores pós-operatórias
  • Pode ser prescrito para pacientes em cuidados paliativos
  • É um analgésico opioide, ou seja, age no sistema nervoso central para aliviar a dor
  • Deve ser utilizado com cuidado, pois pode causar dependência e efeitos colaterais graves
  • É necessário ter prescrição médica para comprar e utilizar a tilidina

Efeitos Colaterais - Tilidina

Veja abaixo alguns efeitos colaterais do Tilidina

  • Dor de cabeça
  • Náusea
  • Vômitos
  • Tontura
  • Sonolência
  • Constipação
  • Visão turva
  • Dificuldade para urinar
  • Boca seca
  • Aumento da sudorese

Vale lembrar que os efeitos colaterais do Tilidina não significa necessariamente que você vai sentir esses sintomas. Em casos raros alguns sintomas podem aparecer,

ContraIndicações - Tilidina?

  • Doenças respiratórias, como asma ou doença pulmonar obstrutiva crônica (DPOC)
  • Problemas cardíacos, como insuficiência cardíaca ou arritmias
  • Doenças renais ou hepáticas
  • Histórico de abuso de drogas ou álcool
  • Uso de inibidores da monoaminoxidase (IMAOs)
  • Gravidez ou amamentação
  • Hipersensibilidade à tilidina ou outros opioides
  • Síndrome de abstinência de opioides
  • Idade avançada
  • Uso de outros medicamentos que podem causar interações com a tilidina

Como Usar Tilidina

A tilidina é um medicamento analgésico utilizado para tratar dores moderadas a graves. Deve ser usado conforme a prescrição médica, seguindo a dose e frequência indicadas. Geralmente, é ingerida por via oral com água, e é importante não mastigá-la ou esmagá-la. Evite consumir bebidas alcoólicas enquanto estiver em tratamento com tilidina, pois isso pode potencializar os efeitos colaterais. Além disso, nunca compartilhe a sua medicação com outras pessoas, e informe ao seu médico sobre qualquer outro medicamento que estiver tomando, para prevenir interações medicamentosas.

Média de Preço do Tilidina - Quanto Custa?

Abaixo temos uma lista com a média de preço do Tilidina em diferentes países, levando em consideração que esse valor pode estar bem diferente da realidade, com uma margem de erro de 50% a 100% mais caro ou mais barato.

  • Brazil: R$ 100,00
  • EUA: $50,00
  • Euro: €40,00

Os preços do Tilidina podem ter diferenças gritantes de um país para o outro, dependendo da sua política de preços e volatilidade. Essa lista de preço é apenas para dar uma noção se o produto é caro ou barato na sua região.


FAQ - Perguntas e Respostas

O que é Tilidina?

A tilidina é um opioide sintético indicado para o tratamento de dores intensas.

As informações do Tilidina são verdadeiras?

As informações sobre o medicamento contidas nessa página podem não refletir total realidade, visto que pesquisas são atualizadas constantemente e informações podem divergir de diferentes bancos de dados, por esse motivo recomendamos consultar sempre a bula do medicamento e utilizar apenas com auxilio médico.

pt_BRPortuguese