Tigeciclina - Informações

A tigeciclina é um antibiótico glicilciclina usado para tratar uma série de infecções bacterianas suscetíveis. Nessa página você tem acesso a todas as informações sobre Tigeciclina, como indicações de uso, contraindicações, efeitos colaterais, informações químicas, preço, história, origem, efeitos e outros. 

Índice de Conteúdo
- Informações
- História
- Indicações
- Efeitos Colaterais
- Contra Indicações
- Como Usar
- Média de Preço
- Outras Substâncias
- FAQ

Informações Básicas do Tigeciclina

Veja abaixo todos os detalhes e informações sobre Tigeciclina:

  • Nome: Tigeciclina
  • Nome em Inglês: Tigecycline
  • Nome Genérico: Tigecycline
  • Tipo: Small Molecule
  • Fórmula Química: C29H39N5O8

Informações Avançadas:

  • Nome Químico: Tigeciclina
  • Formula Molecular: C29H39N5O8
  • Peso Molecular: 585.65 g/mol
  • Classe Terapêutica: Antibiótico
  • Mecanismo da Ação: Inibe a síntese de proteínas bacterianas
  • Forma de Administração: Intravenosa
  • Outras Informações: É um antibiótico de amplo espectro usado no tratamento de infecções resistentes a outros medicamentos

Tigeciclina - História, Descoberta e Origem

Tigeciclina é um antibiótico da classe das glicilciclinas, desenvolvido pela Wyeth Pharmaceuticals e aprovado pela FDA em 2005. Ele foi criado para combater bactérias resistentes a outros antibióticos, especialmente a classe das tetraciclinas.

Sua história começa na década de 1990, quando a Wyeth iniciou pesquisas para desenvolver um novo antibiótico com amplo espectro de ação e que fosse eficaz contra bactérias resistentes. Após muitos estudos e testes, surgiu a tigeciclina, que se mostrou promissora no combate a infecções causadas por bactérias gram-positivas e gram-negativas, incluindo as resistentes à meticilina e às fluoroquinolonas.

A tigeciclina é derivada da minociclina, um antibiótico da classe das tetraciclinas, mas possui uma estrutura química modificada que a torna mais potente e menos susceptível à resistência bacteriana. Sua ação se dá através da inibição da síntese proteica das bactérias, impedindo seu crescimento e proliferação.

Em 2005, a tigeciclina foi aprovada pelo FDA para uso em adultos com infecções complicadas da pele e tecidos moles, infecções intra-abdominais e pneumonia adquirida no hospital. Desde então, tem sido utilizada em hospitais ao redor do mundo para tratar infecções graves causadas por bactérias resistentes, como Staphylococcus aureus, Enterococcus faecalis, Klebsiella pneumoniae, Acinetobacter baumannii e Pseudomonas aeruginosa.

Apesar de ser uma opção eficaz no tratamento de infecções resistentes, a tigeciclina também pode causar efeitos colaterais, como náuseas, vômitos, diarreia, tontura e reações alérgicas. Além disso, seu uso indiscriminado pode levar ao desenvolvimento de bactérias ainda mais resistentes, por isso é importante que seja prescrita com cuidado e apenas quando necessário.

Em resumo, a tigeciclina é um importante antibiótico no combate a infecções resistentes, mas seu uso deve ser feito com cautela e responsabilidade, para que continue sendo eficaz no tratamento de doenças bacterianas. A pesquisa e desenvolvimento de novos antibióticos é essencial para combater o surgimento de bactérias resistentes e garantir a eficácia dos tratamentos no futuro.

Indicações de uso - Tigeciclina

Veja abaixo em quais ocasiões é recomendado o uso de Tigeciclina:

  • Tratamento de infecções causadas por bactérias resistentes a outros antibióticos
  • Indicado para infecções complicadas da pele e tecidos moles
  • Tratamento de infecções intra-abdominais complicadas
  • Tratamento de infecções do trato respiratório
  • Pode ser utilizado em pacientes com alergia a outros antibióticos
  • Alternativa para tratamento de infecções causadas por bactérias multirresistentes
  • Indicado para pacientes com doenças crônicas ou imunocomprometidos
  • Pode ser utilizado em conjunto com outros medicamentos para potencializar o efeito
  • Apresenta poucos efeitos colaterais e baixa toxicidade
  • Disponível em diferentes formas de administração, como comprimidos e injeções

Efeitos Colaterais - Tigeciclina

Veja abaixo alguns efeitos colaterais do Tigeciclina

  • Náusea
  • Vômito
  • Dor abdominal
  • Diarréia
  • Dor de cabeça
  • Tontura
  • Fraqueza
  • Fadiga
  • Aumento da sensibilidade à luz
  • Dificuldade para dormir
  • Alterações no paladar
  • Erupções cutâneas
  • Coceira na pele
  • Inflamação na veia onde o medicamento foi aplicado
  • Reações alérgicas graves, como anafilaxia
  • Aumento da pressão intracraniana em pacientes com histórico de problemas neurológicos
  • Aumento do risco de infecções fúngicas, como candidíase
  • Alterações nos exames de sangue, como aumento de enzimas hepáticas e diminuição de células brancas do sangue

Vale lembrar que os efeitos colaterais do Tigeciclina não significa necessariamente que você vai sentir esses sintomas. Em casos raros alguns sintomas podem aparecer,

ContraIndicações - Tigeciclina?

  • Reações alérgicas graves, incluindo anafilaxia
  • Colite pseudomembranosa
  • Disfunção hepática
  • Disfunção renal
  • Neutropenia
  • Superinfecção
  • Uso em pacientes pediátricos com menos de 8 anos
  • Uso em mulheres grávidas ou lactantes
  • Uso concomitante com varfarina ou outros anticoagulantes
  • Uso concomitante com medicamentos que prolongam o intervalo QT

Como Usar Tigeciclina

Tigeciclina é um antibiótico intravenoso que deve ser administrado apenas por um profissional de saúde qualificado. A dosagem e o tempo de administração devem ser prescritos por um médico, e o medicamento deve ser administrado conforme as instruções fornecidas na bula. Sempre siga as orientações do médico e nunca tome mais do que a dose prescrita. Se estiver com dúvidas sobre o uso de tigeciclina, consulte seu médico ou farmacêutico.

Média de Preço do Tigeciclina - Quanto Custa?

Abaixo temos uma lista com a média de preço do Tigeciclina em diferentes países, levando em consideração que esse valor pode estar bem diferente da realidade, com uma margem de erro de 50% a 100% mais caro ou mais barato.

  • Brazil: R$ 500,00
  • EUA: $1500,00
  • Euro: €1200,00

Os preços do Tigeciclina podem ter diferenças gritantes de um país para o outro, dependendo da sua política de preços e volatilidade. Essa lista de preço é apenas para dar uma noção se o produto é caro ou barato na sua região.


FAQ - Perguntas e Respostas

O que é Tigeciclina?

A tigeciclina é um antibiótico glicilciclina usado para tratar uma série de infecções bacterianas suscetíveis.

As informações do Tigeciclina são verdadeiras?

As informações sobre o medicamento contidas nessa página podem não refletir total realidade, visto que pesquisas são atualizadas constantemente e informações podem divergir de diferentes bancos de dados, por esse motivo recomendamos consultar sempre a bula do medicamento e utilizar apenas com auxilio médico.

pt_BRPortuguese