Moxonidina - Informações

Moxonidina é um agonista de imidazolina/receptor α-2 usado para tratar a hipertensão, especialmente em casos onde inibidores da ECA, β-bloqueadores, bloqueadores de canais de cálcio e tiazídicos não são apropriados ou não fornecem controle adequado da pressão arterial. Nessa página você tem acesso a todas as informações sobre Moxonidina, como indicações de uso, contraindicações, efeitos colaterais, informações químicas, preço, história, origem, efeitos e outros. 

Índice de Conteúdo
- Informações
- História
- Indicações
- Efeitos Colaterais
- Contra Indicações
- Como Usar
- Média de Preço
- Outras Substâncias
- FAQ

Informações Básicas do Moxonidina

Veja abaixo todos os detalhes e informações sobre Moxonidina:

  • Nome: Moxonidina
  • Nome em Inglês: Moxonidine
  • Nome Genérico:
  • Tipo:
  • Fórmula Química: C9H12ClN5O

Informações Avançadas:

  • Nome Químico: Moxonidine
  • Formula Molecular: C9H12ClN5
  • Peso Molecular: 217.679 g/mol
  • Classe Terapêutica: Agonista dos receptores alfa-2 adrenérgicos
  • Mecanismo de Ação: Atua no sistema nervoso central, reduzindo a atividade simpática
  • Forma de Administração: Via oral

Moxonidina - História, Descoberta e Origem

A moxonidina é um medicamento utilizado no tratamento da hipertensão arterial, ou pressão alta. Ela pertence à classe dos agonistas alfa-2 adrenérgicos, que atuam estimulando receptores específicos no sistema nervoso central, resultando em uma redução da pressão arterial.

A história da moxonidina começa na década de 1960, quando a empresa farmacêutica Boehringer Ingelheim iniciou pesquisas para desenvolver um novo medicamento para tratar a hipertensão. Depois de muitos estudos e testes, a moxonidina foi lançada no mercado em 1986, inicialmente na Europa e, posteriormente, em outros países.

A moxonidina foi desenvolvida com base em outro medicamento da mesma classe, a clonidina, que também é utilizada no tratamento da hipertensão. No entanto, a moxonidina apresenta algumas vantagens em relação à clonidina, como uma maior seletividade pelo receptor alfa-2 adrenérgico e menos efeitos colaterais, como sonolência e boca seca.

Além do tratamento da hipertensão, a moxonidina também pode ser utilizada em outras condições, como na prevenção da enxaqueca e no tratamento de sintomas da abstinência de álcool.

Em relação à sua origem, a moxonidina é um medicamento sintético, ou seja, é produzido em laboratório a partir de compostos químicos. Seu mecanismo de ação é semelhante ao de outros agonistas alfa-2 adrenérgicos, atuando na regulação da pressão arterial através do sistema nervoso central.

Atualmente, a moxonidina é comercializada em diferentes países, incluindo o Brasil, com o nome de Physiotens®. É importante ressaltar que seu uso deve ser sempre orientado por um médico, que irá avaliar as condições de cada paciente e indicar a dose adequada e o tempo de tratamento.

Em resumo, a moxonidina é um medicamento importante no tratamento da pressão alta, com uma história de desenvolvimento e pesquisa que remonta às décadas de 1960 e 1970. Seu uso adequado pode ajudar a controlar a pressão arterial e prevenir complicações relacionadas à hipertensão.

Indicações de uso - Moxonidina

Veja abaixo em quais ocasiões é recomendado o uso de Moxonidina:

  • Tratamento da hipertensão arterial;
  • Redução da pressão arterial e frequência cardíaca;
  • Controle da pressão arterial em pacientes com doenças renais;
  • Prevenção de doenças cardiovasculares;
  • Redução da ansiedade e estresse;
  • Melhora da qualidade do sono;
  • Auxílio no tratamento da síndrome de abstinência alcoólica;
  • Indicado para pacientes com problemas cardíacos, como insuficiência cardíaca e angina;
  • Pode ser utilizado em conjunto com outros medicamentos anti-hipertensivos;
  • É uma alternativa para pacientes que não respondem bem a outros medicamentos anti-hipertensivos;
  • Pode ser utilizado em pacientes idosos com pressão alta;
  • Não causa retenção de líquidos, o que é benéfico para pacientes com insuficiência cardíaca;
  • Pode ser utilizado em pacientes com problemas renais, pois não afeta a função renal;
  • Não causa dependência ou efeito rebote ao interromper o uso;
  • Pode ser utilizado em pacientes com diabetes, pois não afeta os níveis de glicose no sangue;
  • Pode ser utilizado em pacientes com asma, pois não afeta a função pulmonar;
  • Não causa efeitos colaterais sexuais, como disfunção erétil e diminuição da libido;
  • É bem tolerado pela maioria dos pacientes;
  • É um medicamento de baixo custo.

Efeitos Colaterais - Moxonidina

Veja abaixo alguns efeitos colaterais do Moxonidina

  • Dor de cabeça
  • Tontura
  • Fadiga
  • Boca seca
  • Náusea
  • Vômito
  • Dor abdominal
  • Constipação
  • Dor muscular
  • Insônia
  • Sonolência
  • Visão turva
  • Vertigem
  • Ansiedade
  • Depressão
  • Confusão mental
  • Alterações de humor
  • Palpitações
  • Baixa pressão arterial
  • Reações alérgicas

Vale lembrar que os efeitos colaterais do Moxonidina não significa necessariamente que você vai sentir esses sintomas. Em casos raros alguns sintomas podem aparecer,

ContraIndicações - Moxonidina?

  • Gravidez
  • Lactação
  • Insuficiência hepática grave
  • Insuficiência renal grave
  • Hipersensibilidade à moxonidina ou a qualquer outro componente da fórmula

Como Usar Moxonidina

A moxonidina é um medicamento usado para tratar a pressão arterial elevada. Geralmente, ela é tomada por via oral uma vez ao dia, de preferência de manhã. Siga sempre as instruções do seu médico ou as informações contidas na bula do medicamento. Não pare de tomar a moxonidina sem orientação médica e informe o seu médico sobre qualquer efeito colateral que possa surgir.

Média de Preço do Moxonidina - Quanto Custa?

Abaixo temos uma lista com a média de preço do Moxonidina em diferentes países, levando em consideração que esse valor pode estar bem diferente da realidade, com uma margem de erro de 50% a 100% mais caro ou mais barato.

  • Brazil: R$ 30,00
  • EUA: $12,00
  • Euro: €10,00

Os preços do Moxonidina podem ter diferenças gritantes de um país para o outro, dependendo da sua política de preços e volatilidade. Essa lista de preço é apenas para dar uma noção se o produto é caro ou barato na sua região.


FAQ - Perguntas e Respostas

O que é Moxonidina?

Moxonidina é um agonista de imidazolina/receptor α-2 usado para tratar a hipertensão, especialmente em casos onde inibidores da ECA, β-bloqueadores, bloqueadores de canais de cálcio e tiazídicos não são apropriados ou não fornecem controle adequado da pressão arterial.

As informações do Moxonidina são verdadeiras?

As informações sobre o medicamento contidas nessa página podem não refletir total realidade, visto que pesquisas são atualizadas constantemente e informações podem divergir de diferentes bancos de dados, por esse motivo recomendamos consultar sempre a bula do medicamento e utilizar apenas com auxilio médico.

pt_BRPortuguese