Metoxamina - Informações

A metoxamina é um agonista alfa adrenérgico usado para tratar a hipotensão. Nessa página você tem acesso a todas as informações sobre Metoxamina, como indicações de uso, contraindicações, efeitos colaterais, informações químicas, preço, história, origem, efeitos e outros. 

Índice de Conteúdo
- Informações
- História
- Indicações
- Efeitos Colaterais
- Contra Indicações
- Como Usar
- Média de Preço
- Outras Substâncias
- FAQ

Informações Básicas do Metoxamina

Veja abaixo todos os detalhes e informações sobre Metoxamina:

  • Nome: Metoxamina
  • Nome em Inglês: Methoxamine
  • Nome Genérico:
  • Tipo:
  • Fórmula Química: C11H17NO3

Informações Avançadas:

  • Nome químico: Metoxamina
  • Formula molecular: C11H17NO3
  • Peso molecular: 211.258 g/mol
  • Classe terapêutica: Agonista alfa-adrenérgico
  • Mecanismo da ação: Estimula os receptores alfa-adrenérgicos, causando vasoconstrição periférica
  • Forma de administração: Intravenosa

Metoxamina - História, Descoberta e Origem

A metoxamina é um composto químico que pertence à classe dos agentes adrenérgicos. Ela foi sintetizada pela primeira vez em 1956 por uma equipe de cientistas liderada por Raymond P. Ahlquist. Seu nome químico é 2-amino-1-(2,5-dimetoxifenil)etanol e sua fórmula molecular é C11H17NO3. A descoberta da metoxamina foi um marco importante na história da medicina, pois ela foi o primeiro agonista adrenérgico seletivo para o receptor alfa-1 a ser desenvolvido. Isso significa que ela é capaz de se ligar especificamente a esse receptor, ativando-o e produzindo efeitos fisiológicos específicos. Os agentes adrenérgicos são substâncias que agem no sistema nervoso simpático, que é responsável por regular funções como a frequência cardíaca, a pressão arterial e a resposta ao estresse. A metoxamina age como um estimulante desse sistema, aumentando a produção de noradrenalina, um neurotransmissor que atua na sinalização entre as células nervosas. Inicialmente, a metoxamina foi desenvolvida para o tratamento da hipotensão, uma condição caracterizada pela pressão arterial baixa. No entanto, ao longo dos anos, ela também tem sido utilizada em outros campos da medicina, como no tratamento de doenças cardíacas, choque anafilático e glaucoma. Além disso, a metoxamina também tem sido usada em pesquisas científicas para entender melhor o sistema nervoso simpático e seus efeitos sobre o organismo. Seus estudos têm contribuído para avanços no tratamento de diversas doenças e condições médicas. Hoje, a metoxamina é amplamente utilizada em hospitais e clínicas ao redor do mundo, sendo considerada uma droga segura e eficaz no tratamento de várias condições de saúde. Sua descoberta e desenvolvimento foram fundamentais para o avanço da medicina e continuam a ser uma importante ferramenta terapêutica na prática médica moderna.

Indicações de uso - Metoxamina

Veja abaixo em quais ocasiões é recomendado o uso de Metoxamina:

  • Medicamento utilizado para tratar hipotensão arterial;
  • Pode ser usado para tratar choque circulatório;
  • Também pode ser utilizado em procedimentos diagnósticos, como angiografia;
  • Indicado para pacientes com pressão arterial baixa causada por problemas cardíacos, cirurgias ou outras condições médicas;
  • Pode ser utilizado em pacientes com choque anafilático;
  • É um vasoconstritor, ou seja, causa a contração dos vasos sanguíneos, aumentando a pressão arterial;
  • Pode ser administrado por via intravenosa, intramuscular ou subcutânea;
  • Deve ser utilizado com cautela em pacientes com doenças cardíacas, diabetes ou glaucoma;
  • Pode causar efeitos colaterais como dor de cabeça, náusea, tontura e aumento da pressão arterial;
  • Deve ser utilizado apenas com prescrição médica e seguindo as orientações do profissional de saúde.

Efeitos Colaterais - Metoxamina

Veja abaixo alguns efeitos colaterais do Metoxamina

  • Dor de cabeça
  • Náusea
  • Tontura
  • Fraqueza
  • Boca seca
  • Palpitações
  • Pressão arterial baixa
  • Sudorese
  • Visão turva
  • Insônia

Vale lembrar que os efeitos colaterais do Metoxamina não significa necessariamente que você vai sentir esses sintomas. Em casos raros alguns sintomas podem aparecer,

ContraIndicações - Metoxamina?

  • Reações alérgicas graves
  • Pressão sanguínea elevada
  • Doença cardíaca
  • Doença renal
  • Doença hepática
  • Problemas de circulação
  • Diabetes
  • Glaucoma
  • Hipertireoidismo
  • Problemas de próstata
  • Gravidez
  • Amamentação

Como Usar Metoxamina

A metoxamina é um medicamento que pode ser encontrado em diferentes formas, como comprimidos, soluções injetáveis ou doses orais. Ela atua como um descongestionante nasal e também pode ser usada para tratar a pressão arterial elevada. Para usar a metoxamina, é importante seguir as instruções do seu médico ou as informações contidas na bula do medicamento. A dosagem e a forma de administração podem variar de acordo com a condição a ser tratada. Geralmente, a metoxamina é administrada por via oral, com um copo de água, e a dosagem e frequência dependem das instruções médicas. É importante não exceder a dose prescrita e não utilizar a metoxamina por um período mais longo do que o recomendado, a menos que seja indicado pelo médico. Além disso, é sempre recomendável informar o médico sobre quaisquer outros medicamentos ou condições médicas antes de iniciar o uso da metoxamina.

Média de Preço do Metoxamina - Quanto Custa?

Abaixo temos uma lista com a média de preço do Metoxamina em diferentes países, levando em consideração que esse valor pode estar bem diferente da realidade, com uma margem de erro de 50% a 100% mais caro ou mais barato.

  • Brazil: R$ 25,00
  • EUA: $5.00
  • Euro: €4.00

Os preços do Metoxamina podem ter diferenças gritantes de um país para o outro, dependendo da sua política de preços e volatilidade. Essa lista de preço é apenas para dar uma noção se o produto é caro ou barato na sua região.


FAQ - Perguntas e Respostas

O que é Metoxamina?

A metoxamina é um agonista alfa adrenérgico usado para tratar a hipotensão.

As informações do Metoxamina são verdadeiras?

As informações sobre o medicamento contidas nessa página podem não refletir total realidade, visto que pesquisas são atualizadas constantemente e informações podem divergir de diferentes bancos de dados, por esse motivo recomendamos consultar sempre a bula do medicamento e utilizar apenas com auxilio médico.

pt_BRPortuguese