Metamizol - Informações

O Metamizol é um medicamento antipirético e analgésico usado para aliviar febre e dor intensas e persistentes. Nessa página você tem acesso a todas as informações sobre Metamizol, como indicações de uso, contraindicações, efeitos colaterais, informações químicas, preço, história, origem, efeitos e outros. 

Índice de Conteúdo
- Informações
- História
- Indicações
- Efeitos Colaterais
- Contra Indicações
- Como Usar
- Média de Preço
- Outras Substâncias
- FAQ

Informações Básicas do Metamizol

Veja abaixo todos os detalhes e informações sobre Metamizol:

  • Nome: Metamizol
  • Nome em Inglês: Metamizole
  • Nome Genérico:
  • Tipo:
  • Fórmula Química: C13H17N3O4S

Informações Avançadas:

  • Nome químico: Dipirona
  • Formula molecular: C13H16N3O5S
  • Peso molecular: 308.35 g/mol
  • Classe terapêutica: Analgésico e antipirético
  • Mecanismo da ação: Inibição da síntese de prostaglandinas
  • Forma de administração: Oral, intramuscular ou intravenosa

Metamizol - História, Descoberta e Origem

O Metamizol é um medicamento utilizado para tratar dores agudas e crônicas, febre e inflamações, pertencente à classe dos anti-inflamatórios não esteroides (AINEs). Também é conhecido pelo nome comercial de Dipirona. Sua história começa em 1920, quando o químico alemão Ludwig Knorr sintetizou pela primeira vez a metamizol a partir do composto aminopirina. Inicialmente, a substância era utilizada como antipirético, ou seja, para reduzir a febre. No entanto, com o passar dos anos, sua ação analgésica e anti-inflamatória também foram descobertas e passaram a ser amplamente utilizadas. Em 1922, a metamizol foi patenteada pela empresa farmacêutica alemã Hoechst AG, que a comercializou sob o nome de Novalgin. A partir da década de 1930, o medicamento começou a ser utilizado em outros países europeus e, posteriormente, em todo o mundo. No entanto, em 1964, a metamizol foi proibida em diversos países após relatos de efeitos colaterais graves, como agranulocitose, uma condição em que há uma redução drástica no número de glóbulos brancos no sangue, deixando o paciente mais suscetível a infecções. Essa proibição foi motivada pelo uso indiscriminado e sem prescrição médica, o que levou a uma maior incidência de efeitos colaterais. Após anos de estudos e pesquisas, a metamizol voltou a ser comercializada em alguns países, incluindo o Brasil, com restrições e medidas de segurança mais rigorosas. Atualmente, é considerado um medicamento seguro e eficaz quando utilizado sob orientação médica. Além de seu uso para alívio da dor e redução da febre, a metamizol também é utilizada em casos de cólicas menstruais, enxaquecas, dores musculares e articulares, entre outros. Sua ação se dá por meio da inibição da síntese de prostaglandinas, substâncias responsáveis pela inflamação e dor. Apesar de sua história conturbada, a metamizol é um medicamento importante e amplamente utilizado na medicina moderna. Seu uso adequado e responsável pode trazer alívio e melhora na qualidade de vida de muitas pessoas que sofrem com dores e inflamações.

Indicações de uso - Metamizol

Veja abaixo em quais ocasiões é recomendado o uso de Metamizol:

  • Para que serve:
    • Alívio da dor;
    • Tratamento da febre;
    • Redução da inflamação;
    • Tratamento de cólicas menstruais;
    • Tratamento de enxaquecas;
    • Tratamento de dores pós-operatórias;
    • Tratamento de dores crônicas;
    • Tratamento de dores musculoesqueléticas.
  • Indicações:
    • Dores de cabeça;
    • Enxaquecas;
    • Dores musculares;
    • Dores nas articulações;
    • Cólicas menstruais;
    • Dores pós-operatórias;
    • Febre;
    • Inflamações.

Efeitos Colaterais - Metamizol

Veja abaixo alguns efeitos colaterais do Metamizol

  • Dor de cabeça
  • Náuseas
  • Vômitos
  • Diarreia
  • Constipação
  • Tontura
  • Sonolência
  • Fadiga
  • Alterações de paladar
  • Reações alérgicas
  • Diminuição da pressão arterial
  • Alterações na função renal
  • Alterações na função hepática
  • Reações cutâneas
  • Febre
  • Sudorese
  • Redução da contagem de glóbulos brancos
  • Redução da contagem de plaquetas

Vale lembrar que os efeitos colaterais do Metamizol não significa necessariamente que você vai sentir esses sintomas. Em casos raros alguns sintomas podem aparecer,

ContraIndicações - Metamizol?

1. Alergia ao Metamizol ou outros medicamentos da mesma classe (pirazolonas). 2. Histórico de agranulocitose (diminuição de glóbulos brancos no sangue) associado ao uso de Metamizol. 3. Pacientes com porfiria (doença hereditária que afeta o metabolismo dos pigmentos sanguíneos). 4. Insuficiência renal ou hepática grave. 5. Gravidez e amamentação. 6. Crianças menores de 3 meses de idade. 7. Pacientes com asma ou outras doenças respiratórias crônicas. 8. Pacientes com úlceras gastrointestinais ou histórico de sangramento gastrointestinal. 9. Uso concomitante com outros medicamentos que possam causar danos ao fígado ou rins. 10. Pacientes com doenças do sangue, como anemia ou hemofilia. 11. Pacientes com problemas cardíacos, como insuficiência cardíaca ou hipertensão arterial. 12. Idosos com mais de 65 anos. 13. Pacientes com distúrbios da coagulação sanguínea. 14. Uso prolongado ou frequente do medicamento. 15. Pacientes com deficiência de glicose-6-fosfato desidrogenase. 16. Pacientes com doenças autoimunes, como lúpus ou artrite reumatoide. 17. Uso concomitante com álcool ou outras substâncias que possam causar danos ao fígado ou rins. 18. Pacientes com problemas de absorção intestinal, como doença de Crohn ou síndrome do intestino irritável. 19. Uso em pacientes com imunodeficiência ou em tratamento com medicamentos imunossupressores. 20. Pacientes com distúrbios da tireoide.

Como Usar Metamizol

O Metamizol é um medicamento que deve ser utilizado conforme orientação médica. Geralmente é tomado por via oral, na forma de comprimidos ou solução, seguindo a dose prescrita e a frequência recomendada pelo médico. É importante não exceder a dose recomendada e não utilizar o medicamento por longos períodos sem supervisão médica. Além disso, é fundamental seguir as instruções contidas na bula do medicamento. Em caso de dúvidas, consulte um profissional de saúde.

Média de Preço do Metamizol - Quanto Custa?

Abaixo temos uma lista com a média de preço do Metamizol em diferentes países, levando em consideração que esse valor pode estar bem diferente da realidade, com uma margem de erro de 50% a 100% mais caro ou mais barato.

  • Brazil: R$ 10,00
  • EUA: $ 5,00
  • Euro: € 4,00

Os preços do Metamizol podem ter diferenças gritantes de um país para o outro, dependendo da sua política de preços e volatilidade. Essa lista de preço é apenas para dar uma noção se o produto é caro ou barato na sua região.


FAQ - Perguntas e Respostas

O que é Metamizol?

O Metamizol é um medicamento antipirético e analgésico usado para aliviar febre e dor intensas e persistentes.

As informações do Metamizol são verdadeiras?

As informações sobre o medicamento contidas nessa página podem não refletir total realidade, visto que pesquisas são atualizadas constantemente e informações podem divergir de diferentes bancos de dados, por esse motivo recomendamos consultar sempre a bula do medicamento e utilizar apenas com auxilio médico.

pt_BRPortuguese