Lixisenatida - Informações

Lixisenatida é um agonista do receptor GLP-1 usado para o tratamento da diabetes mellitus tipo 2. Nessa página você tem acesso a todas as informações sobre Lixisenatida, como indicações de uso, contraindicações, efeitos colaterais, informações químicas, preço, história, origem, efeitos e outros. 

Índice de Conteúdo
- Informações
- História
- Indicações
- Efeitos Colaterais
- Contra Indicações
- Como Usar
- Média de Preço
- Outras Substâncias
- FAQ

Informações Básicas do Lixisenatida

Veja abaixo todos os detalhes e informações sobre Lixisenatida:

  • Nome: Lixisenatida
  • Nome em Inglês: Lixisenatide
  • Nome Genérico: Lixisenatide
  • Tipo: Biotech
  • Fórmula Química:

Informações Avançadas:

  • Nome químico: Lixisenatide
  • Formula molecular: C215H347N61O65S
  • Peso molecular: 4858.76 g/mol
  • Classe terapêutica: Agonista do receptor GLP-1
  • Mecanismo da ação: Estimula a liberação de insulina e a inibição da liberação de glucagon
  • Forma de administração: Injeção subcutânea

Lixisenatida - História, Descoberta e Origem

Lixisenatida é um medicamento utilizado no tratamento de diabetes mellitus tipo 2. Ele pertence à classe de medicamentos conhecidos como agonistas do receptor de GLP-1, que atuam estimulando a produção de insulina pelo pâncreas e reduzindo a produção de glicose pelo fígado.

A história do lixisenatida começa em 1997, quando pesquisadores da Universidade de Copenhague, na Dinamarca, descobriram um hormônio chamado GLP-1 (peptídeo 1 semelhante ao glucagon). Eles notaram que esse hormônio era produzido pelo intestino delgado após a ingestão de alimentos e tinha a capacidade de estimular a produção de insulina pelo pâncreas.

Com essa descoberta, os pesquisadores começaram a investigar formas de utilizar o GLP-1 no tratamento de diabetes. No entanto, o hormônio tinha uma vida útil muito curta no organismo, sendo rapidamente quebrado por enzimas. Por isso, os cientistas buscaram formas de prolongar a ação do GLP-1 no corpo.

Após anos de estudos, a empresa farmacêutica Sanofi desenvolveu o lixisenatida, que é uma forma sintética do GLP-1. Ele foi aprovado pela primeira vez em 2013, nos Estados Unidos, e atualmente está disponível em diversos países ao redor do mundo.

O lixisenatida é administrado por meio de injeções subcutâneas, geralmente uma vez ao dia, e pode ser utilizado sozinho ou em combinação com outros medicamentos para diabetes. Ele é indicado principalmente para pacientes que não conseguem controlar a doença apenas com mudanças na dieta e prática de exercícios físicos.

Em resumo, o lixisenatida é um medicamento que tem sua origem na descoberta do hormônio GLP-1 e é utilizado no tratamento de diabetes tipo 2. Ele tem se mostrado eficaz no controle da doença e tem ajudado muitas pessoas a melhorarem sua qualidade de vida.

Indicações de uso - Lixisenatida

Veja abaixo em quais ocasiões é recomendado o uso de Lixisenatida:

  • Auxilia no controle da glicemia em pacientes com diabetes tipo 2;
  • Reduz o risco de doenças cardiovasculares;
  • Indicado para pacientes que não conseguem controlar a glicemia com outros medicamentos;
  • Pode ser utilizado em combinação com outros medicamentos para diabetes;
  • Promove a sensação de saciedade, auxiliando no controle do apetite;
  • Pode ser utilizado por pacientes com doenças renais ou hepáticas;
  • Reduz o risco de hipoglicemia;
  • Deve ser administrado por injeção subcutânea;
  • Não deve ser utilizado por pacientes com diabetes tipo 1;
  • Deve ser utilizado com cautela em pacientes com histórico de pancreatite;
  • Pode ser utilizado como parte de um tratamento multifatorial para diabetes tipo 2, que inclui dieta e exercícios físicos.

Efeitos Colaterais - Lixisenatida

Veja abaixo alguns efeitos colaterais do Lixisenatida

  • Dor de cabeça
  • Náusea
  • Vômito
  • Dor abdominal
  • Diarreia
  • Tontura
  • Fraqueza
  • Reações alérgicas (coceira, vermelhidão, inchaço)
  • Aumento ou diminuição do apetite
  • Hipoglicemia (baixo nível de açúcar no sangue)
  • Dor nas articulações
  • Infecções do trato respiratório superior (gripe, resfriado)
  • Fadiga
  • Insônia
  • Ansiedade
  • Depressão
  • Alterações no paladar
  • Distúrbios visuais
  • Alterações na pressão arterial
  • Alterações nos níveis de colesterol

Vale lembrar que os efeitos colaterais do Lixisenatida não significa necessariamente que você vai sentir esses sintomas. Em casos raros alguns sintomas podem aparecer,

ContraIndicações - Lixisenatida?

  • Reações alérgicas ao lixisenatida ou a outros ingredientes do medicamento
  • História de pancreatite ou pancreatite aguda
  • Diabetes tipo 1
  • Insuficiência renal grave
  • Gravidez ou amamentação
  • Uso concomitante com medicamentos que afetam a glicemia, como insulina ou sulfonilureias
  • Hipoglicemia recorrente ou história de hipoglicemia grave
  • Doenças inflamatórias do trato gastrointestinal
  • Uso de álcool em excesso

Como Usar Lixisenatida

Lixisenatida é uma medicação que é administrada por injeção sob a pele (subcutânea). Geralmente, a dose e a frequência de administração são prescritas pelo médico, e é importante seguir rigorosamente as instruções. O local de administração da injeção também pode variar, por isso é essencial seguir as orientações do profissional de saúde. É importante ler e compreender as instruções detalhadas fornecidas com a medicação ou seguir as orientações do médico ou profissional de saúde para garantir a administração correta. Sempre consulte um médico ou profissional de saúde para obter orientações específicas sobre o uso de Lixisenatida.

Média de Preço do Lixisenatida - Quanto Custa?

Abaixo temos uma lista com a média de preço do Lixisenatida em diferentes países, levando em consideração que esse valor pode estar bem diferente da realidade, com uma margem de erro de 50% a 100% mais caro ou mais barato.

  • Brazil (Real): R$ 250,00
  • EUA (Dólar): $500,00
  • Euro (Euro): €400,00

Os preços do Lixisenatida podem ter diferenças gritantes de um país para o outro, dependendo da sua política de preços e volatilidade. Essa lista de preço é apenas para dar uma noção se o produto é caro ou barato na sua região.


FAQ - Perguntas e Respostas

O que é Lixisenatida?

Lixisenatida é um agonista do receptor GLP-1 usado para o tratamento da diabetes mellitus tipo 2.

As informações do Lixisenatida são verdadeiras?

As informações sobre o medicamento contidas nessa página podem não refletir total realidade, visto que pesquisas são atualizadas constantemente e informações podem divergir de diferentes bancos de dados, por esse motivo recomendamos consultar sempre a bula do medicamento e utilizar apenas com auxilio médico.

pt_BRPortuguese