Lansoprazol - Informações

O Lansoprazol é um inibidor da bomba de prótons usado para ajudar a curar úlceras gastrointestinais, tratar sintomas de doença do refluxo gastroesofágico (DRGE), erradicar o Helicobacter pylori e tratar condições de hipersecreção como a Síndrome de Zollinger-Ellison. Nessa página você tem acesso a todas as informações sobre Lansoprazol, como indicações de uso, contraindicações, efeitos colaterais, informações químicas, preço, história, origem, efeitos e outros. 

Índice de Conteúdo
- Informações
- História
- Indicações
- Efeitos Colaterais
- Contra Indicações
- Como Usar
- Média de Preço
- Outras Substâncias
- FAQ

Informações Básicas do Lansoprazol

Veja abaixo todos os detalhes e informações sobre Lansoprazol:

  • Nome: Lansoprazol
  • Nome em Inglês: Lansoprazole
  • Nome Genérico: Lansoprazole
  • Tipo: Small Molecule
  • Fórmula Química: C16H14F3N3O2S

Informações Avançadas:

  • Nome químico: 2-[[[3-methyl-4-(2,2,2-trifluoroethoxy)-2-pyridinyl]methyl]sulfinyl]-1H-benzimidazole
  • Formula molecular: C16H14F3N3O2S
  • Peso molecular: 369.37 g/mol
  • Classe terapêutica: Inibidor da bomba de prótons
  • Mecanismo de ação: Inibição da H+/K+-ATPase na célula parietal gástrica
  • Forma de administração: Oral, intravenosa

Lansoprazol - História, Descoberta e Origem

O Lansoprazol é um medicamento que pertence à classe dos inibidores da bomba de prótons, utilizado para tratar doenças relacionadas ao ácido gástrico, como úlceras, refluxo gastroesofágico e gastrite.

Sua história começa nos anos 80, quando pesquisadores da empresa farmacêutica AstraZeneca buscavam uma forma de tratar a úlcera péptica de forma mais eficaz. Eles descobriram que a produção excessiva de ácido no estômago era um dos principais fatores causadores da doença e, a partir disso, desenvolveram uma molécula capaz de inibir a secreção de ácido.

Após diversos testes e estudos, o Lansoprazol foi aprovado pela Food and Drug Administration (FDA) em 1995 para uso no tratamento de úlceras gástricas e duodenais. Com o passar dos anos, o medicamento também se mostrou eficaz no tratamento de outras condições relacionadas ao ácido gástrico, como o refluxo gastroesofágico e a síndrome de Zollinger-Ellison.

O Lansoprazol age bloqueando a enzima responsável pela produção de ácido no estômago, a bomba de prótons. Com isso, ele reduz a acidez do suco gástrico, aliviando os sintomas e permitindo a cicatrização de lesões no estômago e no esôfago.

Além de ser comercializado como medicamento de marca, o Lansoprazol também pode ser encontrado em versões genéricas, o que torna o tratamento mais acessível para a população.

Apesar de ser considerado um medicamento seguro e eficaz, o Lansoprazol pode causar alguns efeitos colaterais, como dor de cabeça, náuseas, diarreia e tontura. Por isso, é importante seguir as orientações médicas e informar o profissional sobre qualquer reação adversa durante o tratamento.

Em resumo, o Lansoprazol é um medicamento que revolucionou o tratamento de doenças relacionadas ao ácido gástrico, proporcionando alívio dos sintomas e melhor qualidade de vida para milhões de pessoas ao redor do mundo.

Indicações de uso - Lansoprazol

Veja abaixo em quais ocasiões é recomendado o uso de Lansoprazol:

  • Para que serve:
    • Tratamento de úlceras gástricas e duodenais
    • Tratamento de esofagite de refluxo
    • Tratamento de doença do refluxo gastroesofágico (DRGE)
    • Prevenção de úlceras induzidas por medicamentos anti-inflamatórios não esteroides (AINEs)
    • Tratamento de síndrome de Zollinger-Ellison
    • Redução da acidez do estômago
  • Indicações:
    • Pacientes com úlceras gástricas e duodenais
    • Pacientes com esofagite de refluxo
    • Pacientes com DRGE
    • Pacientes que utilizam frequentemente AINEs
    • Pacientes com síndrome de Zollinger-Ellison
    • Pessoas que precisam reduzir a acidez do estômago

Efeitos Colaterais - Lansoprazol

Veja abaixo alguns efeitos colaterais do Lansoprazol

  • Dor de cabeça
  • Náusea
  • Diarreia
  • Constipação
  • Dor abdominal
  • Tontura
  • Vômitos
  • Boca seca
  • Sensação de cansaço
  • Flatulência
  • Erupção cutânea
  • Prurido (coceira)
  • Sensação de queimação na pele
  • Dificuldade para dormir
  • Vertigem
  • Sudorese
  • Aumento da sensibilidade à luz
  • Dor muscular
  • Dor nas articulações
  • Inchaço nas mãos e pés
  • Pele amarelada
  • Alterações no paladar
  • Alterações na visão
  • Confusão mental
  • Depressão
  • Ansiedade
  • Insônia
  • Sonolência
  • Alterações no humor
  • Alterações no apetite
  • Aumento da sensibilidade aos raios solares
  • Redução do número de células brancas no sangue
  • Alterações nas enzimas hepáticas

Vale lembrar que os efeitos colaterais do Lansoprazol não significa necessariamente que você vai sentir esses sintomas. Em casos raros alguns sintomas podem aparecer,

ContraIndicações - Lansoprazol?

  • Não deve ser utilizado em caso de alergia ao Lansoprazol ou a qualquer outro componente da fórmula;
  • Em caso de gravidez ou amamentação, deve-se consultar um médico antes de iniciar o tratamento;
  • Pacientes com problemas hepáticos ou renais devem usar o medicamento com cautela e sob supervisão médica;
  • Não deve ser utilizado em crianças menores de 12 anos;
  • Pacientes com hipersensibilidade a outros inibidores da bomba de prótons podem apresentar reações alérgicas ao Lansoprazol;
  • Em caso de dor abdominal intensa ou persistente, deve-se procurar um médico imediatamente;
  • O uso prolongado do medicamento pode aumentar o risco de fraturas ósseas, especialmente em pacientes idosos ou com osteoporose;
  • O Lansoprazol pode interagir com outros medicamentos, por isso é importante informar ao médico sobre todos os remédios em uso;
  • Pacientes com histórico de problemas no trato digestivo, como úlceras ou sangramentos, devem usar o medicamento com cautela e sob orientação médica;
  • O uso concomitante com álcool pode aumentar o risco de efeitos colaterais;
  • O Lansoprazol pode causar sonolência e tontura, por isso é importante evitar atividades que exijam atenção ou coordenação motora após o uso do medicamento.

Como Usar Lansoprazol

O lansoprazol é um medicamento que geralmente é utilizado para tratar úlceras gástricas, refluxo gastroesofágico e outras condições relacionadas ao excesso de ácido no estômago. Normalmente, é tomado por via oral, com ou sem alimentos, conforme indicado pelo médico. É importante seguir as instruções de dosagem recomendadas pelo médico e não exceder a dose prescrita. Além disso, é essencial ler e seguir as instruções do rótulo do medicamento. Se houver dúvidas sobre como usar o lansoprazol, é importante consultar um profissional de saúde.

Média de Preço do Lansoprazol - Quanto Custa?

Abaixo temos uma lista com a média de preço do Lansoprazol em diferentes países, levando em consideração que esse valor pode estar bem diferente da realidade, com uma margem de erro de 50% a 100% mais caro ou mais barato.

  • Brazil: R$ 30,00
  • EUA: $10,00
  • Euro: €8,00

Os preços do Lansoprazol podem ter diferenças gritantes de um país para o outro, dependendo da sua política de preços e volatilidade. Essa lista de preço é apenas para dar uma noção se o produto é caro ou barato na sua região.


FAQ - Perguntas e Respostas

O que é Lansoprazol?

O Lansoprazol é um inibidor da bomba de prótons usado para ajudar a curar úlceras gastrointestinais, tratar sintomas de doença do refluxo gastroesofágico (DRGE), erradicar o Helicobacter pylori e tratar condições de hipersecreção como a Síndrome de Zollinger-Ellison.

As informações do Lansoprazol são verdadeiras?

As informações sobre o medicamento contidas nessa página podem não refletir total realidade, visto que pesquisas são atualizadas constantemente e informações podem divergir de diferentes bancos de dados, por esse motivo recomendamos consultar sempre a bula do medicamento e utilizar apenas com auxilio médico.

pt_BRPortuguese