Lamotrigina - Informações

A lamotrigina é um antiepiléptico feniltriazina usado para tratar alguns tipos de epilepsia e transtorno bipolar do tipo I. Nessa página você tem acesso a todas as informações sobre Lamotrigina, como indicações de uso, contraindicações, efeitos colaterais, informações químicas, preço, história, origem, efeitos e outros. 

Índice de Conteúdo
- Informações
- História
- Indicações
- Efeitos Colaterais
- Contra Indicações
- Como Usar
- Média de Preço
- Outras Substâncias
- FAQ

Informações Básicas do Lamotrigina

Veja abaixo todos os detalhes e informações sobre Lamotrigina:

  • Nome: Lamotrigina
  • Nome em Inglês: Lamotrigine
  • Nome Genérico: Lamotrigine
  • Tipo: Small Molecule
  • Fórmula Química: C9H7Cl2N5

Informações Avançadas:

  • Nome químico: 6-(2,3-Dichlorophenyl)-1,2,4-triazine-3,5-diamine
  • Fórmula molecular: C9H7Cl2N5
  • Peso molecular: 256.09 g/mol
  • Classe terapêutica: Anticonvulsivante e estabilizador de humor
  • Mecanismo de ação: Inibição seletiva dos canais de sódio voltagem-dependentes
  • Forma de administração: Oral

Lamotrigina - História, Descoberta e Origem

A lamotrigina é um medicamento utilizado principalmente no tratamento de transtornos convulsivos, como a epilepsia, e também em transtornos do humor, como o transtorno bipolar.

A história da lamotrigina começa em 1984, quando foi sintetizada pela primeira vez pelos químicos Glennon e Landeck. Inicialmente, o medicamento foi desenvolvido para tratar a epilepsia, porém, durante os estudos clínicos, foi observado que a lamotrigina também apresentava efeitos positivos no tratamento de transtornos do humor.

A lamotrigina atua no sistema nervoso central, mais especificamente nos canais de sódio voltagem-dependentes, controlando a excitabilidade neuronal e prevenindo a ocorrência de convulsões. Além disso, também é capaz de regular a liberação de neurotransmissores, como a dopamina e a serotonina, que estão relacionados aos transtornos do humor.

Em 1989, a lamotrigina foi aprovada pelo Food and Drug Administration (FDA) para o tratamento da epilepsia e, mais tarde, em 2003, também foi aprovada para o tratamento do transtorno bipolar.

Desde então, a lamotrigina tem sido amplamente utilizada no tratamento dessas condições, apresentando bons resultados e poucos efeitos colaterais. Além disso, também é considerada uma opção segura para mulheres grávidas que necessitam de medicação para controlar suas convulsões ou transtornos do humor.

No entanto, é importante ressaltar que a lamotrigina não é recomendada para todos os pacientes e deve ser prescrita e monitorada por um médico especialista. Além disso, seu uso deve ser sempre combinado com outras formas de tratamento, como terapia e mudanças no estilo de vida, para obter os melhores resultados.

Em resumo, a lamotrigina é um medicamento de grande importância no tratamento de transtornos convulsivos e do humor, que tem sua origem na década de 80 e vem sendo utilizado com sucesso desde então.

Indicações de uso - Lamotrigina

Veja abaixo em quais ocasiões é recomendado o uso de Lamotrigina:

  • Medicamento utilizado para tratar epilepsia;
  • Também pode ser utilizado para tratar transtorno bipolar;
  • É um estabilizador de humor;
  • Pode ser usado em combinação com outros medicamentos para tratar convulsões;
  • Ajuda a controlar as crises epilépticas;
  • Reduz a frequência e a gravidade das crises de convulsão;
  • Pode ser utilizado em adultos e crianças acima de 2 anos de idade;
  • É um medicamento de uso contínuo;
  • Deve ser prescrito e acompanhado por um médico;
  • Pode causar efeitos colaterais como náuseas, tontura, dor de cabeça, entre outros;
  • Não deve ser utilizado por gestantes ou mulheres que estão amamentando, a menos que seja estritamente necessário e orientado pelo médico;
  • Deve ser mantido em local seco e arejado, longe do alcance de crianças e animais;
  • Não deve ser interrompido ou alterado o uso sem a orientação médica.

Efeitos Colaterais - Lamotrigina

Veja abaixo alguns efeitos colaterais do Lamotrigina

  • Dor de cabeça
  • Tonturas
  • Náusea
  • Vômitos
  • Perda de apetite
  • Diarreia
  • Dor abdominal
  • Fadiga
  • Sonolência
  • Insônia
  • Ansiedade
  • Agitação
  • Alterações de humor
  • Confusão
  • Perda de memória
  • Visão turva
  • Boca seca
  • Suor excessivo
  • Erupções cutâneas
  • Coceira
  • Dificuldade para respirar
  • Inchaço facial
  • Febre
  • Alterações na pressão arterial
  • Ritmo cardíaco anormal
  • Problemas no fígado
  • Problemas renais
  • Aumento de peso
  • Perda de peso
  • Irregularidades menstruais
  • Impotência sexual
  • Alterações no paladar
  • Alterações no olfato

Vale lembrar que os efeitos colaterais do Lamotrigina não significa necessariamente que você vai sentir esses sintomas. Em casos raros alguns sintomas podem aparecer,

ContraIndicações - Lamotrigina?

  • Não deve ser utilizado em pacientes com hipersensibilidade conhecida à lamotrigina ou a qualquer componente da fórmula
  • Não deve ser utilizado em pacientes com histórico de reações alérgicas graves à lamotrigina
  • Não deve ser utilizado em pacientes com histórico de síndrome de Stevens-Johnson ou necrólise epidérmica tóxica relacionada ao uso de lamotrigina
  • Não deve ser utilizado em pacientes com histórico de doenças hepáticas graves
  • Não deve ser utilizado em pacientes com histórico de doenças renais graves
  • Não deve ser utilizado em pacientes com histórico de problemas cardíacos, como arritmias ou insuficiência cardíaca
  • Não deve ser utilizado em pacientes com histórico de distúrbios do sangue, como anemia aplástica ou porfiria
  • Não deve ser utilizado em pacientes com histórico de epilepsia do tipo ausência
  • Não deve ser utilizado em pacientes com histórico de pensamentos ou comportamentos suicidas
  • Não deve ser utilizado em crianças com menos de 2 anos de idade

Como Usar Lamotrigina

A lamotrigina é um medicamento usado para tratar transtornos convulsivos e transtorno bipolar. Geralmente é tomada por via oral, com ou sem alimentos, conforme indicado pelo médico. É importante seguir as instruções do médico e a dosagem prescrita, não parar de tomar o medicamento sem orientação médica e informar ao médico sobre qualquer efeito colateral. Também é importante informar o médico sobre outros medicamentos que esteja tomando, pois a lamotrigina pode interagir com outros medicamentos.

Média de Preço do Lamotrigina - Quanto Custa?

Abaixo temos uma lista com a média de preço do Lamotrigina em diferentes países, levando em consideração que esse valor pode estar bem diferente da realidade, com uma margem de erro de 50% a 100% mais caro ou mais barato.

  • Brazil: R$ 50,00
  • EUA: $70,00
  • Euro: €60,00

Os preços do Lamotrigina podem ter diferenças gritantes de um país para o outro, dependendo da sua política de preços e volatilidade. Essa lista de preço é apenas para dar uma noção se o produto é caro ou barato na sua região.


FAQ - Perguntas e Respostas

O que é Lamotrigina?

A lamotrigina é um antiepiléptico feniltriazina usado para tratar alguns tipos de epilepsia e transtorno bipolar do tipo I.

As informações do Lamotrigina são verdadeiras?

As informações sobre o medicamento contidas nessa página podem não refletir total realidade, visto que pesquisas são atualizadas constantemente e informações podem divergir de diferentes bancos de dados, por esse motivo recomendamos consultar sempre a bula do medicamento e utilizar apenas com auxilio médico.

pt_BRPortuguese