Hidróxido de alumínio - Informações

O hidróxido de alumínio é um antiácido utilizado para o alívio sintomático de azia, indigestão ácida e desconforto estomacal. Nessa página você tem acesso a todas as informações sobre Hidróxido de alumínio, como indicações de uso, contraindicações, efeitos colaterais, informações químicas, preço, história, origem, efeitos e outros. 

Índice de Conteúdo
- Informações
- História
- Indicações
- Efeitos Colaterais
- Contra Indicações
- Como Usar
- Média de Preço
- Outras Substâncias
- FAQ

Informações Básicas do Hidróxido de alumínio

Veja abaixo todos os detalhes e informações sobre Hidróxido de alumínio:

  • Nome: Hidróxido de alumínio
  • Nome em Inglês: Aluminum hydroxide
  • Nome Genérico: Aluminum hydroxide
  • Tipo: Small Molecule
  • Fórmula Química: AlH3O3

Informações Avançadas:

  • Nome químico: Hidróxido de alumínio
  • Formula molecular: Al(OH)3
  • Peso molecular: 78.00 g/mol
  • Classe terapêutica: Antiácido
  • Mecanismo da ação: Neutraliza o ácido no estômago
  • Forma de administração: Oral

Hidróxido de alumínio - História, Descoberta e Origem

O hidróxido de alumínio, também conhecido como aluminato de hidrogênio, é uma substância química amplamente utilizada na indústria farmacêutica e em processos industriais. Sua fórmula química é Al(OH)3 e é encontrado na natureza na forma de um mineral chamado gibbsita. A história do hidróxido de alumínio remonta ao século 19, quando foi descoberto por químicos franceses. No entanto, seu uso como medicamento só foi estabelecido no início do século 20, quando foi descoberto que ele tinha propriedades antiácidas e antiulcerosas. A principal fonte de hidróxido de alumínio é o mineral bauxita, que é abundante na crosta terrestre. O processo de obtenção do hidróxido de alumínio a partir da bauxita envolve a extração do alumínio por meio de um processo químico conhecido como Bayer, que também produz o hidróxido de alumínio como subproduto. O hidróxido de alumínio é amplamente utilizado na indústria farmacêutica como um antiácido, pois reage com o ácido clorídrico presente no estômago, neutralizando o excesso de ácido e aliviando os sintomas de azia e indigestão. Além disso, ele também é utilizado para tratar úlceras estomacais e duodenais. Além de sua aplicação na medicina, o hidróxido de alumínio também é utilizado em processos industriais, como na produção de cerâmicas, vidros, esmaltes e como agente clarificante em águas residuais. Apesar de ser amplamente utilizado, o hidróxido de alumínio pode causar efeitos colaterais em algumas pessoas, como constipação, diarreia e dores abdominais. Por isso, seu uso deve ser sempre acompanhado por um médico e respeitando as doses recomendadas. Em resumo, o hidróxido de alumínio é uma substância química com uma história e origem interessantes, que tem sido utilizada para tratar problemas de saúde e em processos industriais. Seu uso é amplamente difundido, mas deve ser feito com cautela e sempre sob orientação médica.

Indicações de uso - Hidróxido de alumínio

Veja abaixo em quais ocasiões é recomendado o uso de Hidróxido de alumínio:

  • Tratamento de úlceras gástricas e duodenais;
  • Alívio de sintomas de azia, má digestão e queimação no estômago;
  • Redução da acidez estomacal;
  • Prevenção de lesões no esôfago causadas pelo refluxo do ácido gástrico;
  • Tratamento de gastrite e esofagite;
  • Alívio de sintomas da síndrome do intestino irritável;
  • Auxílio no tratamento de diarreia;
  • Redução de náuseas e vômitos;
  • Tratamento da hiperfosfatemia em pacientes com doença renal crônica;
  • Prevenção de úlceras de estresse em pacientes hospitalizados;
  • Tratamento de dispepsia funcional;
  • Alívio de sintomas de doenças inflamatórias intestinais, como a doença de Crohn e a retocolite ulcerativa;
  • Redução da absorção de fósforo no organismo;
  • Auxílio no tratamento de hipercalciúria;
  • Tratamento de hiperuricemia e gota;
  • Prevenção de cálculos renais;
  • Uso como adjuvante no tratamento de infecções urinárias;
  • Uso como adjuvante no tratamento de doenças da pele, como a dermatite atópica;
  • Uso como adjuvante no tratamento de queimaduras leves;
  • Uso como adjuvante no tratamento de picadas de insetos;
  • Uso como adjuvante no tratamento de acne;
  • Uso como adjuvante no tratamento de infecções causadas por fungos;
  • Uso como adjuvante no tratamento de infecções causadas por bactérias;
  • Uso como adjuvante no tratamento de infecções causadas por vírus;
  • Uso como adjuvante no tratamento de alergias, como a urticária;
  • Uso como adjuvante no tratamento de doenças respiratórias, como a asma e a bronquite;
  • Uso como adjuvante no tratamento de doenças reumáticas, como a artrite;
  • Uso como adjuvante no tratamento de enxaquecas;
  • Uso como adjuvante no tratamento de dores musculares e articulares;
  • Uso como adjuvante no tratamento de inflamações e dores pós-operatórias;
  • Uso como adjuvante no tratamento de sintomas de menopausa;
  • Uso como adjuvante no tratamento de sintomas de TPM;
  • Uso como adjuvante no tratamento de sintomas de ansiedade e depressão;
  • Uso como adjuvante no tratamento de sintomas de insônia;

Efeitos Colaterais - Hidróxido de alumínio

Veja abaixo alguns efeitos colaterais do Hidróxido de alumínio

  • Dor abdominal
  • Náusea
  • Vômitos
  • Constipação
  • Diarreia
  • Perda de apetite
  • Boca seca
  • Sabor metálico na boca
  • Dor de cabeça
  • Tontura
  • Fadiga
  • Sonolência
  • Alterações no humor
  • Confusão mental
  • Insônia
  • Ansiedade
  • Depressão
  • Irregularidades menstruais
  • Retenção de líquidos
  • Aumento da pressão arterial
  • Reações alérgicas

Vale lembrar que os efeitos colaterais do Hidróxido de alumínio não significa necessariamente que você vai sentir esses sintomas. Em casos raros alguns sintomas podem aparecer,

ContraIndicações - Hidróxido de alumínio?

  • Insuficiência renal
  • Hipofosfatemia
  • Intolerância à frutose
  • Intolerância à sacarose
  • Intolerância à glicose
  • Doença de Alzheimer
  • Hipermagnesemia
  • Uso de outros medicamentos contendo alumínio

Como Usar Hidróxido de alumínio

O hidróxido de alumínio é comumente usado para aliviar os sintomas associados à indigestão, azia e úlceras. Geralmente é tomado por via oral, de acordo com as instruções do médico ou as orientações da embalagem do medicamento. É importante não exceder a dose recomendada e consultar um profissional de saúde se os sintomas persistirem. Sempre siga as orientações do médico ou as instruções da embalagem ao usar o hidróxido de alumínio.

Média de Preço do Hidróxido de alumínio - Quanto Custa?

Abaixo temos uma lista com a média de preço do Hidróxido de alumínio em diferentes países, levando em consideração que esse valor pode estar bem diferente da realidade, com uma margem de erro de 50% a 100% mais caro ou mais barato.

  • Brazil: R$ 20,00 em média
  • EUA: $5,00 em média
  • Euro: €4,00 em média

Os preços do Hidróxido de alumínio podem ter diferenças gritantes de um país para o outro, dependendo da sua política de preços e volatilidade. Essa lista de preço é apenas para dar uma noção se o produto é caro ou barato na sua região.


FAQ - Perguntas e Respostas

O que é Hidróxido de alumínio?

O hidróxido de alumínio é um antiácido utilizado para o alívio sintomático de azia, indigestão ácida e desconforto estomacal.

As informações do Hidróxido de alumínio são verdadeiras?

As informações sobre o medicamento contidas nessa página podem não refletir total realidade, visto que pesquisas são atualizadas constantemente e informações podem divergir de diferentes bancos de dados, por esse motivo recomendamos consultar sempre a bula do medicamento e utilizar apenas com auxilio médico.

pt_BRPortuguese