Harmalina - Informações

A harmalina é um composto alcaloide encontrado em diversas plantas. Nessa página você tem acesso a todas as informações sobre Harmalina, como indicações de uso, contraindicações, efeitos colaterais, informações químicas, preço, história, origem, efeitos e outros. 

Índice de Conteúdo
- Informações
- História
- Indicações
- Efeitos Colaterais
- Contra Indicações
- Como Usar
- Média de Preço
- Outras Substâncias
- FAQ

Informações Básicas do Harmalina

Veja abaixo todos os detalhes e informações sobre Harmalina:

  • Nome: Harmalina
  • Nome em Inglês: Harmaline
  • Nome Genérico:
  • Tipo:
  • Fórmula Química: C13H14N2O

Informações Avançadas:

  • Nome químico: 7-methoxy-1,2,3,4-tetrahydro-9H-pyrido[3,4-b]indole
  • Fórmula molecular: C13H14N2O
  • Peso molecular: 214.26 g/mol
  • Classe terapêutica: Alcaloide antidepressivo
  • Mecanismo de ação: Inibição da monoamina oxidase (IMAO)
  • Forma de administração: Oral, intravenosa

Harmalina - História, Descoberta e Origem

A Harmalina é uma substância alcaloide encontrada em plantas que pertencem à família das Zygophyllaceae, como a Peganum harmala e a Passiflora incarnata. Essa substância foi isolada pela primeira vez em 1841 pelo químico alemão Carl F. R. Knuth, a partir da planta Peganum harmala, que é nativa da Ásia e do norte da África. Ao longo dos anos, a Harmalina tem sido utilizada de diversas formas por diferentes culturas. Na medicina tradicional, ela é conhecida por suas propriedades estimulantes, antiespasmódicas e analgésicas. Além disso, é considerada um potente afrodisíaco e é utilizada em rituais religiosos e cerimônias xamânicas. Porém, a história e origem da Harmalina está diretamente ligada à cultura e tradição dos povos do Oriente Médio e Ásia Central. Desde a antiguidade, a planta Peganum harmala tem sido utilizada como uma erva sagrada pelos povos da região, sendo considerada um símbolo de purificação e proteção espiritual. Na Índia, a Harmalina é conhecida como "Aspand" e é utilizada em rituais de exorcismo e para combater o mau-olhado. Já no Irã, ela é chamada de "Esphand" e é utilizada em cerimônias religiosas para afastar os espíritos malignos. Na região da Ásia Central, a planta é conhecida como "Esfand" e é utilizada como incenso para purificar ambientes e afastar energias negativas. Com o passar do tempo, a Harmalina foi se tornando conhecida em outras partes do mundo e passou a ser utilizada em diferentes contextos. Na década de 1960, por exemplo, ela ganhou destaque no movimento hippie como uma substância enteógena, sendo utilizada em práticas de meditação e expansão da consciência. Hoje em dia, a Harmalina é amplamente estudada por seus possíveis efeitos terapêuticos e seu uso ainda é bastante difundido em algumas culturas. Porém, é importante ressaltar que seu consumo deve ser feito com cuidado e orientação médica, pois pode causar efeitos colaterais e interações medicamentosas.

Indicações de uso - Harmalina

Veja abaixo em quais ocasiões é recomendado o uso de Harmalina:

  • Medicamento: a harmalina é utilizada na medicina como um inibidor da monoamina oxidase (IMAO), sendo indicada no tratamento de depressão, ansiedade e transtornos obsessivo-compulsivos.
  • Religião: em algumas práticas religiosas, principalmente no xamanismo, a harmalina é utilizada como um enteógeno, ou seja, uma substância que induz a experiências espirituais e de conexão com o divino.
  • Inseticida: a harmalina também pode ser utilizada como um inseticida natural, sendo eficaz no controle de pragas em plantações.
  • Pesquisa científica: a substância é alvo de estudos científicos por apresentar propriedades antioxidantes, anti-inflamatórias e anticancerígenas, podendo ser utilizada no desenvolvimento de novos medicamentos.

Efeitos Colaterais - Harmalina

Veja abaixo alguns efeitos colaterais do Harmalina

  • Aumento da pressão arterial
  • Alterações no ritmo cardíaco
  • Náuseas e vômitos
  • Dor abdominal
  • Constipação
  • Tonturas
  • Confusão mental
  • Ansiedade e agitação
  • Dificuldade para dormir
  • Alucinações

Vale lembrar que os efeitos colaterais do Harmalina não significa necessariamente que você vai sentir esses sintomas. Em casos raros alguns sintomas podem aparecer,

ContraIndicações - Harmalina?

  • Uso durante a gravidez e amamentação;
  • Uso em crianças;
  • Pessoas com problemas cardíacos;
  • Pessoas com hipotensão;
  • Uso em conjunto com outros medicamentos que afetam o sistema nervoso central;
  • Uso em conjunto com medicamentos antidepressivos;

Como Usar Harmalina

A harmalina pode ser usada de várias maneiras, dependendo do motivo pelo qual você pretende usá-la. Pode ser ingerida em forma de suplemento, usada em chás, incensos ou em práticas de medicina tradicional. No entanto, é importante consultar um profissional de saúde qualificado para orientação personalizada antes de usar a harmalina para garantir a segurança e eficácia do seu uso.

Média de Preço do Harmalina - Quanto Custa?

Abaixo temos uma lista com a média de preço do Harmalina em diferentes países, levando em consideração que esse valor pode estar bem diferente da realidade, com uma margem de erro de 50% a 100% mais caro ou mais barato.

  • Brazil - R$ 50,00
  • EUA - $ 10,00
  • Euro - € 8,00

Os preços do Harmalina podem ter diferenças gritantes de um país para o outro, dependendo da sua política de preços e volatilidade. Essa lista de preço é apenas para dar uma noção se o produto é caro ou barato na sua região.


FAQ - Perguntas e Respostas

O que é Harmalina?

A harmalina é um composto alcaloide encontrado em diversas plantas.

As informações do Harmalina são verdadeiras?

As informações sobre o medicamento contidas nessa página podem não refletir total realidade, visto que pesquisas são atualizadas constantemente e informações podem divergir de diferentes bancos de dados, por esse motivo recomendamos consultar sempre a bula do medicamento e utilizar apenas com auxilio médico.

pt_BRPortuguese