Gonadorrelina - Informações

A Gonadorrelina é um GnRH sintético usado para testar a função dos gonadotropos e da pituitária. Nessa página você tem acesso a todas as informações sobre Gonadorrelina, como indicações de uso, contraindicações, efeitos colaterais, informações químicas, preço, história, origem, efeitos e outros. 

Índice de Conteúdo
- Informações
- História
- Indicações
- Efeitos Colaterais
- Contra Indicações
- Como Usar
- Média de Preço
- Outras Substâncias
- FAQ

Informações Básicas do Gonadorrelina

Veja abaixo todos os detalhes e informações sobre Gonadorrelina:

  • Nome: Gonadorrelina
  • Nome em Inglês: Gonadorelin
  • Nome Genérico: Gonadorelin
  • Tipo: Small Molecule
  • Fórmula Química: C55H75N17O13

Informações Avançadas:

  • Nome Químico: Gonadorelina
  • Formula Molecular: C55H75N17O13
  • Peso Molecular: 1182.29 g/mol
  • Classe Terapêutica: Hormônio liberador de gonadotrofinas
  • Mecanismo de Ação: Estimulação da secreção de LH e FSH pela hipófise
  • Forma de Administração: Injeção subcutânea ou intravenosa

Gonadorrelina - História, Descoberta e Origem

Gonadorrelina é um hormônio sintético que atua como um agonista do hormônio liberador de gonadotrofina (GnRH). Esse hormônio é produzido naturalmente pelo hipotálamo e é responsável por estimular a produção de hormônios sexuais, como o estrogênio e a testosterona, pelas glândulas sexuais.

A gonadorrelina foi desenvolvida na década de 1970 e é utilizada principalmente no tratamento de doenças relacionadas ao sistema reprodutivo, como o câncer de próstata, endometriose e infertilidade. Ela atua no organismo de forma muito semelhante ao GnRH natural, estimulando a liberação de hormônios sexuais. No entanto, a gonadorrelina sintética tem uma meia-vida mais longa em comparação com o hormônio natural, o que a torna mais eficaz no tratamento de certas condições.

Além do uso médico, a gonadorrelina também é utilizada em pesquisas científicas para estudar o sistema reprodutivo e suas alterações. Ela pode ser administrada por via intravenosa, subcutânea ou intramuscular, dependendo da condição a ser tratada.

Por ser um hormônio sintético, a gonadorrelina pode causar alguns efeitos colaterais, como náuseas, dor de cabeça, irritação no local da aplicação e alterações no ciclo menstrual. Por isso, é importante que seu uso seja feito sob orientação médica e com acompanhamento regular.

Em resumo, a gonadorrelina é um hormônio sintético que atua no organismo de forma semelhante ao GnRH natural, estimulando a produção de hormônios sexuais. Seu uso é indicado para o tratamento de diversas condições relacionadas ao sistema reprodutivo, mas deve ser feito com cautela e orientação médica.

Indicações de uso - Gonadorrelina

Veja abaixo em quais ocasiões é recomendado o uso de Gonadorrelina:

  • Medicamento utilizado para tratamento de câncer de próstata avançado
  • Também pode ser indicado para tratar endometriose e miomas uterinos
  • É um agonista do hormônio liberador de gonadotrofina (GnRH), que ajuda a diminuir a produção de testosterona em homens e estrogênio em mulheres
  • Pode ser administrado por injeção subcutânea ou implante subcutâneo
  • Geralmente é utilizado em combinação com outros medicamentos para terapias hormonais
  • Pode causar efeitos colaterais como ondas de calor, suores noturnos, diminuição da libido e osteoporose
  • É contraindicado para pacientes com hipersensibilidade ao medicamento ou a outros componentes da fórmula
  • Deve ser utilizado com cautela em pacientes com histórico de doenças cardíacas, diabetes, epilepsia ou problemas renais
  • É necessário realizar acompanhamento médico regular durante o tratamento com gonadorrelina
  • Não deve ser utilizado durante a gravidez ou amamentação, pois pode causar danos ao feto ou ao bebê

Efeitos Colaterais - Gonadorrelina

Veja abaixo alguns efeitos colaterais do Gonadorrelina

  • Dor de cabeça
  • Náusea
  • Vômito
  • Dor no local da aplicação
  • Tontura
  • Fraqueza
  • Irritação na pele
  • Alterações de humor
  • Insônia
  • Aumento da sudorese
  • Diminuição da libido
  • Alterações na pressão arterial
  • Alterações no ciclo menstrual
  • Dor abdominal
  • Alterações na função hepática
  • Reações alérgicas

Vale lembrar que os efeitos colaterais do Gonadorrelina não significa necessariamente que você vai sentir esses sintomas. Em casos raros alguns sintomas podem aparecer,

ContraIndicações - Gonadorrelina?

  • Reação alérgica prévia à gonadorrelina ou a qualquer outro componente do medicamento
  • Gravidez
  • Amamentação
  • Doenças do fígado
  • Doenças do coração
  • Doenças renais
  • Osteoporose
  • Uso de outros medicamentos que possam interagir com a gonadorrelina

Como Usar Gonadorrelina

A gonadorrelina é geralmente administrada por injeção subcutânea ou intramuscular. A dosagem e a frequência da administração podem variar de acordo com a condição médica específica sendo tratada. É importante seguir as instruções do médico ou profissional de saúde para o uso correto da gonadorrelina.

Média de Preço do Gonadorrelina - Quanto Custa?

Abaixo temos uma lista com a média de preço do Gonadorrelina em diferentes países, levando em consideração que esse valor pode estar bem diferente da realidade, com uma margem de erro de 50% a 100% mais caro ou mais barato.

  • Brazil: R$ 150,00
  • EUA: $200,00
  • Euro: €180,00

Os preços do Gonadorrelina podem ter diferenças gritantes de um país para o outro, dependendo da sua política de preços e volatilidade. Essa lista de preço é apenas para dar uma noção se o produto é caro ou barato na sua região.


FAQ - Perguntas e Respostas

O que é Gonadorrelina?

A Gonadorrelina é um GnRH sintético usado para testar a função dos gonadotropos e da pituitária.

As informações do Gonadorrelina são verdadeiras?

As informações sobre o medicamento contidas nessa página podem não refletir total realidade, visto que pesquisas são atualizadas constantemente e informações podem divergir de diferentes bancos de dados, por esse motivo recomendamos consultar sempre a bula do medicamento e utilizar apenas com auxilio médico.

pt_BRPortuguese