Gluconato de zinco - Informações

O gluconato de zinco é um ingrediente encontrado em uma variedade de suplementos e vitaminas. Nessa página você tem acesso a todas as informações sobre Gluconato de zinco, como indicações de uso, contraindicações, efeitos colaterais, informações químicas, preço, história, origem, efeitos e outros. 

Índice de Conteúdo
- Informações
- História
- Indicações
- Efeitos Colaterais
- Contra Indicações
- Como Usar
- Média de Preço
- Outras Substâncias
- FAQ

Informações Básicas do Gluconato de zinco

Veja abaixo todos os detalhes e informações sobre Gluconato de zinco:

  • Nome: Gluconato de zinco
  • Nome em Inglês: Zinc gluconate
  • Nome Genérico:
  • Tipo:
  • Fórmula Química: C12H22O14Zn

Informações Avançadas:

  • Nome químico: gluconato de zinco
  • Formula molecular: C12H22ZnO14
  • Peso molecular: 455.66 g/mol
  • Classe terapêutica: suplemento mineral
  • Mecanismo de ação: aumenta a absorção de zinco pelo organismo
  • Forma de administração: comprimidos, cápsulas, solução oral

Gluconato de zinco - História, Descoberta e Origem

O gluconato de zinco é um composto químico formado pela combinação do zinco com o ácido glicônico. É um sal orgânico que possui a fórmula molecular C12H22O14Zn e é amplamente utilizado na indústria farmacêutica e alimentícia.

A história do gluconato de zinco teve início no final do século XIX, quando o químico alemão Emil Fischer descobriu o ácido glicônico. Na época, ainda não se sabia que esse ácido poderia se combinar com outros elementos para formar sais. Foi somente em 1929 que o químico alemão Hans Andersag descobriu que o ácido glicônico poderia se combinar com o zinco, dando origem ao gluconato de zinco.

O gluconato de zinco é produzido a partir da reação entre o óxido de zinco e o ácido glicônico, sendo um processo relativamente simples e de baixo custo. Desde sua descoberta, esse composto tem sido amplamente utilizado na medicina, principalmente como suplemento nutricional para prevenir e tratar deficiências de zinco no organismo.

Além disso, o gluconato de zinco também é utilizado na indústria alimentícia como aditivo, sendo adicionado em alimentos como cereais, pães e biscoitos para aumentar o teor de zinco e melhorar a nutrição dos consumidores.

Uma das principais vantagens do gluconato de zinco é sua alta biodisponibilidade, ou seja, a facilidade com que o organismo consegue absorvê-lo e utilizá-lo. Isso faz com que esse composto seja uma opção eficaz para tratar deficiências de zinco, que podem causar problemas de saúde como enfraquecimento do sistema imunológico, queda de cabelo e problemas de pele.

Em resumo, o gluconato de zinco é um composto químico importante e versátil, com aplicações tanto na área da saúde quanto na indústria alimentícia. Sua descoberta e produção foram fundamentais para o desenvolvimento de tratamentos e suplementos nutricionais que ajudam a melhorar a saúde e qualidade de vida das pessoas.

Indicações de uso - Gluconato de zinco

Veja abaixo em quais ocasiões é recomendado o uso de Gluconato de zinco:

  • Suplemento nutricional para prevenção e tratamento de deficiência de zinco no organismo;
  • Pode ser utilizado no tratamento de acne e outras doenças de pele;
  • Auxilia na cicatrização de feridas e lesões;
  • Pode ajudar a fortalecer o sistema imunológico;
  • Indicado para pessoas com doenças crônicas, como diabetes e doenças gastrointestinais, que podem apresentar deficiência de zinco;
  • Pode ser utilizado no tratamento de diarreia infantil;
  • Ajuda a melhorar a saúde dos cabelos e unhas;
  • Pode ser utilizado como coadjuvante no tratamento de infertilidade masculina;
  • Indicado para idosos, pois com o envelhecimento há uma diminuição na absorção de zinco pelo organismo;
  • Importante para o desenvolvimento e crescimento infantil adequado;
  • Pode ser utilizado no tratamento de doenças como o Alzheimer e depressão.

Efeitos Colaterais - Gluconato de zinco

Veja abaixo alguns efeitos colaterais do Gluconato de zinco

  • Dor abdominal
  • Náusea
  • Vômitos
  • Diarreia
  • Alterações do paladar
  • Dor de cabeça
  • Fadiga
  • Tontura
  • Reações alérgicas
  • Irritação na boca
  • Constipação
  • Dificuldade de absorção de ferro
  • Dificuldade de absorção de cálcio
  • Redução da imunidade
  • Diminuição da produção de glóbulos brancos
  • Aumento do risco de infecções

Vale lembrar que os efeitos colaterais do Gluconato de zinco não significa necessariamente que você vai sentir esses sintomas. Em casos raros alguns sintomas podem aparecer,

ContraIndicações - Gluconato de zinco?

  • Não deve ser utilizado em caso de alergia ao zinco ou a qualquer outro componente da fórmula;
  • Em caso de irritação ou reação alérgica, suspenda o uso e procure orientação médica;
  • Este medicamento não deve ser utilizado por mulheres grávidas sem orientação médica;
  • Este medicamento não deve ser utilizado por mulheres amamentando sem orientação médica;
  • Não deve ser utilizado por crianças sem orientação médica;
  • Este medicamento não deve ser utilizado por pessoas com insuficiência renal sem orientação médica;
  • Este medicamento não deve ser utilizado por pessoas com insuficiência hepática sem orientação médica;
  • Não deve ser utilizado por pessoas com hipersensibilidade ao zinco ou a qualquer outro componente da fórmula;
  • Não deve ser utilizado por pessoas com doenças autoimunes sem orientação médica;
  • Não deve ser utilizado por pessoas com deficiência de zinco sem orientação médica;
  • Não deve ser utilizado por pessoas com doenças crônicas sem orientação médica;
  • Não deve ser utilizado por pessoas que estejam fazendo uso de outros medicamentos sem orientação médica;
  • Em caso de ingestão acidental, procurar imediatamente um médico ou um centro de intoxicação;
  • Mantenha fora do alcance de crianças e animais domésticos;
  • Este medicamento é de uso externo, não deve ser ingerido;
  • Conservar em temperatura ambiente (entre 15°C e 30°C), protegido da luz e da umidade;
  • Não utilize o produto após o prazo de validade indicado na embalagem.

Como Usar Gluconato de zinco

O gluconato de zinco pode ser usado da seguinte forma: 1. Para suplementação de zinco, siga as instruções do fabricante ou as orientações de um profissional de saúde. Geralmente, é recomendado ingerir conforme a dose diária recomendada. 2. Para uso tópico em feridas ou irritações na pele, siga as instruções do medicamento ou as orientações do seu médico. Geralmente, é aplicado uma fina camada na área afetada. Sempre leia as instruções do produto e consulte um médico ou farmacêutico se tiver dúvidas sobre como usar o gluconato de zinco.

Média de Preço do Gluconato de zinco - Quanto Custa?

Abaixo temos uma lista com a média de preço do Gluconato de zinco em diferentes países, levando em consideração que esse valor pode estar bem diferente da realidade, com uma margem de erro de 50% a 100% mais caro ou mais barato.

  • Brazil: R$ 25,00
  • EUA: $ 5.00
  • Euro: € 4,00

Os preços do Gluconato de zinco podem ter diferenças gritantes de um país para o outro, dependendo da sua política de preços e volatilidade. Essa lista de preço é apenas para dar uma noção se o produto é caro ou barato na sua região.


FAQ - Perguntas e Respostas

O que é Gluconato de zinco?

O gluconato de zinco é um ingrediente encontrado em uma variedade de suplementos e vitaminas.

As informações do Gluconato de zinco são verdadeiras?

As informações sobre o medicamento contidas nessa página podem não refletir total realidade, visto que pesquisas são atualizadas constantemente e informações podem divergir de diferentes bancos de dados, por esse motivo recomendamos consultar sempre a bula do medicamento e utilizar apenas com auxilio médico.

pt_BRPortuguese