Givosiran - Informações

Givosiran é um RNA interferente pequeno (siRNA) direcionado à enzima 5-aminolevulinato sintase, utilizado na profilaxia da porfiria hepática aguda. Nessa página você tem acesso a todas as informações sobre Givosiran, como indicações de uso, contraindicações, efeitos colaterais, informações químicas, preço, história, origem, efeitos e outros. 

Índice de Conteúdo
- Informações
- História
- Indicações
- Efeitos Colaterais
- Contra Indicações
- Como Usar
- Média de Preço
- Outras Substâncias
- FAQ

Informações Básicas do Givosiran

Veja abaixo todos os detalhes e informações sobre Givosiran:

  • Nome: Givosiran
  • Nome em Inglês: Givosiran
  • Nome Genérico: Givosiran
  • Tipo: Biotech
  • Fórmula Química:

Informações Avançadas:

  • Nome químico: Givosiran
  • Fórmula molecular: C496H608F152N150O252P28S28
  • Peso molecular: 15.587,42 g/mol
  • Classe terapêutica: Agente antifibrinolítico
  • Mecanismo de ação: Silenciador de RNA
  • Forma de administração: Injeção subcutânea

Givosiran - História, Descoberta e Origem

Givosiran é um medicamento que foi desenvolvido com o intuito de tratar a porfiria aguda intermitente, uma doença genética rara que afeta o metabolismo do heme, uma proteína importante para o transporte de oxigênio no sangue. A porfiria aguda intermitente pode causar sintomas graves, como dores abdominais, náuseas, vômitos, fraqueza muscular e até mesmo paralisia.

O givosiran foi desenvolvido pela empresa Alnylam Pharmaceuticals e foi aprovado pela Food and Drug Administration (FDA) dos Estados Unidos em novembro de 2019. Ele é o primeiro medicamento de terapia de RNA interferente (RNAi) a ser aprovado para o tratamento de uma doença hereditária.

O RNAi é uma técnica que interfere no processo de síntese de proteínas a nível molecular, bloqueando a produção de uma proteína específica. No caso do givosiran, ele é capaz de inibir a produção de uma enzima chamada ALAS1, que está diretamente envolvida na produção de heme. Com a inibição dessa enzima, é possível reduzir a quantidade de heme no organismo e, consequentemente, controlar os sintomas da porfiria aguda intermitente.

O givosiran é administrado por meio de injeções subcutâneas mensais e pode ser utilizado por pacientes adultos com a doença. Ele é considerado um avanço no tratamento da porfiria aguda intermitente, já que os tratamentos anteriores eram limitados e podiam causar efeitos colaterais graves. Além disso, o medicamento pode melhorar significativamente a qualidade de vida dos pacientes e reduzir a frequência e gravidade dos ataques agudos da doença.

A origem do givosiran está diretamente ligada à pesquisa científica e ao avanço tecnológico na área da terapia genética. Ele é mais um exemplo de como a ciência e a medicina podem trabalhar juntas para desenvolver tratamentos eficazes para doenças raras e melhorar a vida das pessoas que sofrem com elas.

Indicações de uso - Givosiran

Veja abaixo em quais ocasiões é recomendado o uso de Givosiran:

  • Tratamento da porfiria aguda intermitente
  • Redução dos sintomas da porfiria aguda intermitente
  • Prevenção de crises agudas da porfiria aguda intermitente
  • Redução da frequência de hospitalizações relacionadas à porfiria aguda intermitente
  • Melhora da qualidade de vida dos pacientes com porfiria aguda intermitente
  • Indicado para pacientes adultos com porfiria aguda intermitente
  • Administração subcutânea a cada 3 meses
  • Pode ser utilizado em conjunto com outros tratamentos para a porfiria aguda intermitente
  • Possui eficácia comprovada em estudos clínicos
  • Prescrito apenas com receita médica

Efeitos Colaterais - Givosiran

Veja abaixo alguns efeitos colaterais do Givosiran

  • Dor de cabeça
  • Náuseas
  • Vômitos
  • Dor abdominal
  • Fadiga
  • Tontura
  • Perda de apetite
  • Diarreia
  • Reação no local da injeção
  • Irritação na pele
  • Sangramento no local da injeção
  • Alterações na coagulação sanguínea
  • Alterações nos níveis de enzimas hepáticas
  • Alterações nos níveis de bilirrubina
  • Alterações nos níveis de creatinina

Vale lembrar que os efeitos colaterais do Givosiran não significa necessariamente que você vai sentir esses sintomas. Em casos raros alguns sintomas podem aparecer,

ContraIndicações - Givosiran?

  • Déficit de ácido delta-aminolevulínico sintase (ALA-D)
  • Gravidez
  • Lactação
  • Hipersensibilidade ao givosiran ou a qualquer um dos componentes da fórmula

Como Usar Givosiran

O givosiran é uma injeção administrada sob a pele (subcutânea) uma vez por mês. É importante seguir as instruções do seu médico e o cronograma recomendado para garantir a eficácia do tratamento. Certifique-se de discutir quaisquer dúvidas ou preocupações com o seu médico antes de usar o givosiran.

Média de Preço do Givosiran - Quanto Custa?

Abaixo temos uma lista com a média de preço do Givosiran em diferentes países, levando em consideração que esse valor pode estar bem diferente da realidade, com uma margem de erro de 50% a 100% mais caro ou mais barato.

  • Brazil: R$ 1.250,00
  • EUA: $6,000.00
  • Euro: €5.000,00

Os preços do Givosiran podem ter diferenças gritantes de um país para o outro, dependendo da sua política de preços e volatilidade. Essa lista de preço é apenas para dar uma noção se o produto é caro ou barato na sua região.


FAQ - Perguntas e Respostas

O que é Givosiran?

Givosiran é um RNA interferente pequeno (siRNA) direcionado à enzima 5-aminolevulinato sintase, utilizado na profilaxia da porfiria hepática aguda.

As informações do Givosiran são verdadeiras?

As informações sobre o medicamento contidas nessa página podem não refletir total realidade, visto que pesquisas são atualizadas constantemente e informações podem divergir de diferentes bancos de dados, por esse motivo recomendamos consultar sempre a bula do medicamento e utilizar apenas com auxilio médico.

pt_BRPortuguese