Gabapentina - Informações

O gabapentin é um medicamento anticonvulsivo usado no tratamento de dores neuropáticas periféricas, neuralgia pós-herpética e convulsões de início parcial. Nessa página você tem acesso a todas as informações sobre Gabapentina, como indicações de uso, contraindicações, efeitos colaterais, informações químicas, preço, história, origem, efeitos e outros. 

Índice de Conteúdo
- Informações
- História
- Indicações
- Efeitos Colaterais
- Contra Indicações
- Como Usar
- Média de Preço
- Outras Substâncias
- FAQ

Informações Básicas do Gabapentina

Veja abaixo todos os detalhes e informações sobre Gabapentina:

  • Nome: Gabapentina
  • Nome em Inglês: Gabapentin
  • Nome Genérico: Gabapentin
  • Tipo: Small Molecule
  • Fórmula Química: C9H17NO2

Informações Avançadas:

  • Nome Químico: 1-(aminomethyl)cyclohexaneacetic acid
  • Formula Molecular: C9H17NO2
  • Peso Molecular: 171.24 g/mol
  • Classe Terapêutica: Medicamento Anticonvulsivante
  • Mecanismo da Ação: Atua nos canais de cálcio dependentes de voltagem, reduz a liberação de neurotransmissores excitatórios
  • Forma de Administração: Oral

Gabapentina - História, Descoberta e Origem

A gabapentina é um medicamento utilizado principalmente para tratar convulsões e dores neuropáticas. Sua história começou na década de 1970, quando pesquisadores da empresa farmacêutica Parke-Davis estavam investigando novos compostos com potencial para tratar a epilepsia.

Em 1975, um químico chamado Richard Silverman sintetizou um composto chamado 1-(aminometil)cicloexanoacético, ou GABA. GABA é um neurotransmissor que tem um papel importante no controle das convulsões. No entanto, o composto não se mostrou muito eficaz como um medicamento antiepiléptico.

Mas, Silverman e sua equipe não desistiram. Eles continuaram a trabalhar no composto, fazendo pequenas alterações em sua estrutura química. Em 1989, eles finalmente chegaram à gabapentina, um análogo do GABA com propriedades antiepilépticas mais potentes.

Em 1993, a gabapentina foi aprovada pela Food and Drug Administration (FDA) dos Estados Unidos para o tratamento de convulsões parciais em adultos. Desde então, tem se mostrado um medicamento eficaz para o controle de convulsões em pacientes com epilepsia.

No entanto, em 2002, a gabapentina ganhou uma nova indicação: o tratamento da dor neuropática. A dor neuropática é um tipo de dor crônica causada por danos ou disfunções no sistema nervoso. A gabapentina é eficaz no tratamento dessa condição, pois ela atua em determinados receptores no sistema nervoso, reduzindo a sensibilidade à dor.

Atualmente, a gabapentina é um dos medicamentos mais prescritos para o tratamento de convulsões e dores neuropáticas. Além disso, há evidências de que ela pode ser eficaz no tratamento de outros distúrbios, como ansiedade, transtorno bipolar e enxaqueca.

Embora seja considerada um medicamento seguro e bem tolerado, a gabapentina pode causar efeitos colaterais, como sonolência, tontura e ganho de peso. Por isso, é importante seguir as recomendações do médico e utilizar a medicação com responsabilidade.

Em resumo, a gabapentina é um medicamento com uma história interessante e uma origem baseada em anos de pesquisa e desenvolvimento. Seu potencial para tratar convulsões e dores neuropáticas tem ajudado milhões de pessoas em todo o mundo a ter uma melhor qualidade de vida.

Indicações de uso - Gabapentina

Veja abaixo em quais ocasiões é recomendado o uso de Gabapentina:

  • Para o tratamento de convulsões, epilepsia e dores neuropáticas
  • Pode ser utilizado em casos de fibromialgia e dor crônica
  • Auxilia no tratamento de transtornos de ansiedade, como o transtorno de ansiedade generalizada e transtorno do pânico
  • Indicado para o tratamento de enxaquecas e dores de cabeça crônicas
  • Pode ser usado em casos de síndrome das pernas inquietas e distúrbios do sono
  • Ajuda no controle de sintomas de abstinência em pessoas em processo de desintoxicação de drogas ou álcool
  • Pode ser prescrito para o tratamento de síndrome de dor regional complexa
  • Indicado para o tratamento de neuropatia diabética e neuralgia pós-herpética
  • Pode ser utilizado em casos de tremores essenciais e outras condições neurológicas
  • Auxilia no tratamento de transtornos do espectro autista, como a hiperatividade e agressividade

Efeitos Colaterais - Gabapentina

Veja abaixo alguns efeitos colaterais do Gabapentina

  • Dor de cabeça
  • Fadiga
  • Tontura
  • Sonolência
  • Perda de coordenação motora
  • Náusea
  • Vômito
  • Alterações visuais
  • Alterações de humor
  • Perda de apetite
  • Diarreia
  • Boca seca
  • Constipação
  • Dificuldade para respirar
  • Inchaço nas mãos e pés
  • Aumento de peso
  • Dificuldade para falar
  • Aumento da frequência cardíaca
  • Problemas de memória

Vale lembrar que os efeitos colaterais do Gabapentina não significa necessariamente que você vai sentir esses sintomas. Em casos raros alguns sintomas podem aparecer,

ContraIndicações - Gabapentina?

  • Não deve ser utilizada por pessoas alérgicas à gabapentina ou a qualquer outro componente da fórmula;
  • Não deve ser utilizada por pacientes com insuficiência renal grave;
  • Deve ser utilizada com cautela em pacientes com problemas hepáticos;
  • Deve ser evitada em pacientes com histórico de abuso de substâncias;
  • Pode causar sonolência e tontura, portanto deve-se evitar dirigir veículos ou operar máquinas durante o tratamento;
  • Pode interagir com outros medicamentos, por isso é importante informar ao médico sobre todos os remédios em uso;
  • Não deve ser utilizada durante a gravidez ou amamentação, a menos que seja estritamente necessário e sob orientação médica;
  • Não deve ser utilizada por crianças com menos de 3 anos de idade;
  • Pode causar efeitos colaterais como náuseas, vômitos, diarreia, dor de cabeça, entre outros.

Como Usar Gabapentina

A gabapentina é um medicamento que deve ser usado apenas com prescrição médica. Geralmente é usado para tratar convulsões, dor neuropática e sintomas de síndrome das pernas inquietas. Siga sempre as instruções do seu médico e a dosagem recomendada. Evite interromper o uso abruptamente e informe seu médico sobre qualquer efeito colateral que possa ocorrer durante o uso. Nunca compartilhe este medicamento com outras pessoas e guarde-o de acordo com as instruções da embalagem.

Média de Preço do Gabapentina - Quanto Custa?

Abaixo temos uma lista com a média de preço do Gabapentina em diferentes países, levando em consideração que esse valor pode estar bem diferente da realidade, com uma margem de erro de 50% a 100% mais caro ou mais barato.

  • Brazil: R$ 50,00
  • EUA: $30,00
  • Euro: €25,00

Os preços do Gabapentina podem ter diferenças gritantes de um país para o outro, dependendo da sua política de preços e volatilidade. Essa lista de preço é apenas para dar uma noção se o produto é caro ou barato na sua região.


FAQ - Perguntas e Respostas

O que é Gabapentina?

O gabapentin é um medicamento anticonvulsivo usado no tratamento de dores neuropáticas periféricas, neuralgia pós-herpética e convulsões de início parcial.

As informações do Gabapentina são verdadeiras?

As informações sobre o medicamento contidas nessa página podem não refletir total realidade, visto que pesquisas são atualizadas constantemente e informações podem divergir de diferentes bancos de dados, por esse motivo recomendamos consultar sempre a bula do medicamento e utilizar apenas com auxilio médico.

pt_BRPortuguese