Dicloxacilina - Informações

Dicloxacilina é uma penicilina utilizada no tratamento de infecções bacterianas produtoras de penicilinase que são suscetíveis ao medicamento. Nessa página você tem acesso a todas as informações sobre Dicloxacilina, como indicações de uso, contraindicações, efeitos colaterais, informações químicas, preço, história, origem, efeitos e outros. 

Índice de Conteúdo
- Informações
- História
- Indicações
- Efeitos Colaterais
- Contra Indicações
- Como Usar
- Média de Preço
- Outras Substâncias
- FAQ

Informações Básicas do Dicloxacilina

Veja abaixo todos os detalhes e informações sobre Dicloxacilina:

  • Nome: Dicloxacilina
  • Nome em Inglês: Dicloxacillin
  • Nome Genérico:
  • Tipo:
  • Fórmula Química: C19H17Cl2N3O5S

Informações Avançadas:

  • Nome químico: Dicloxacilina
  • Fórmula molecular: C19H17Cl2N3O5S
  • Peso molecular: 475.3 g/mol
  • Classe terapêutica: Antibiótico Penicilina
  • Mecanismo de ação: Inibição da síntese da parede celular bacteriana
  • Forma de administração: Oral, intravenosa

Dicloxacilina - História, Descoberta e Origem

A Dicloxacilina é um antibiótico da classe das penicilinas, utilizado no tratamento de diversas infecções bacterianas. Sua história remonta ao início do século XX, quando o microbiologista escocês Alexander Fleming descobriu acidentalmente a penicilina, um composto produzido por fungos que era capaz de matar bactérias.

Com o passar dos anos, outras penicilinas foram sendo desenvolvidas e aprimoradas, incluindo a Dicloxacilina, que foi criada em 1961 pelo cientista britânico Peter Baxendale. Ela se tornou popular devido à sua eficácia no tratamento de infecções causadas por bactérias resistentes à penicilina comum, como o Staphylococcus aureus.

A Dicloxacilina atua inibindo a síntese da parede celular bacteriana, resultando na morte das bactérias. Ela é utilizada no tratamento de infecções de pele, como furúnculos e impetigo, infecções do trato respiratório, como pneumonia e sinusite, e infecções do trato urinário, como cistite.

Apesar de ser um medicamento eficaz, a Dicloxacilina pode causar alguns efeitos colaterais, como náuseas, diarreia e reações alérgicas. Além disso, seu uso indiscriminado pode levar ao desenvolvimento de bactérias resistentes, o que torna o tratamento mais difícil.

Hoje em dia, a Dicloxacilina é amplamente utilizada em todo o mundo e é considerada um medicamento seguro e eficaz no combate às infecções bacterianas. No entanto, é importante utilizá-la apenas sob prescrição médica e seguir corretamente as orientações de uso, para evitar problemas como a resistência bacteriana e os efeitos colaterais.

Indicações de uso - Dicloxacilina

Veja abaixo em quais ocasiões é recomendado o uso de Dicloxacilina:

  • Para que serve:
    • Tratamento de infecções causadas por bactérias sensíveis à dicloxacilina, como infecções de pele e tecidos moles, infecções respiratórias, infecções do trato urinário e infecções ósseas.
    • Pode ser utilizado também em casos de endocardite bacteriana, meningite e septicemia.
  • Indicações:
    • Infecções causadas por Staphylococcus aureus sensível à dicloxacilina, incluindo cepas produtoras de penicilinase.
    • Infecções causadas por Streptococcus pyogenes sensível à dicloxacilina.
    • Infecções causadas por outros micro-organismos sensíveis à dicloxacilina, como alguns tipos de E. coli e Proteus mirabilis.

Efeitos Colaterais - Dicloxacilina

Veja abaixo alguns efeitos colaterais do Dicloxacilina

  • Dor de cabeça
  • Náusea
  • Vômito
  • Diarreia
  • Dor abdominal
  • Coceira
  • Erupção cutânea
  • Alergia
  • Tontura
  • Fraqueza
  • Febre
  • Confusão mental
  • Alterações na função hepática
  • Reações anafiláticas
  • Colite pseudomembranosa

Vale lembrar que os efeitos colaterais do Dicloxacilina não significa necessariamente que você vai sentir esses sintomas. Em casos raros alguns sintomas podem aparecer,

ContraIndicações - Dicloxacilina?

  • Alérgico a penicilina ou outros antibióticos beta-lactâmicos
  • Doença renal grave
  • Colite associada a antibióticos
  • Gravidez ou amamentação
  • Uso concomitante com metotrexato
  • Doença hepática grave

Como Usar Dicloxacilina

A dicloxacilina é um antibiótico usado para tratar infecções bacterianas. Siga as instruções do seu médico ou as informações da bula. Geralmente, é tomada por via oral, com ou sem alimentos, conforme orientação médica. Tome a dose prescrita no intervalo de tempo recomendado. Não pare o tratamento antes do tempo indicado, mesmo que os sintomas melhorem. Se tiver dúvidas sobre como usar a dicloxacilina, consulte o seu médico ou farmacêutico.

Média de Preço do Dicloxacilina - Quanto Custa?

Abaixo temos uma lista com a média de preço do Dicloxacilina em diferentes países, levando em consideração que esse valor pode estar bem diferente da realidade, com uma margem de erro de 50% a 100% mais caro ou mais barato.

  • Brazil: R$ 20,00
  • EUA: $10.00
  • Euro: €15,00

Os preços do Dicloxacilina podem ter diferenças gritantes de um país para o outro, dependendo da sua política de preços e volatilidade. Essa lista de preço é apenas para dar uma noção se o produto é caro ou barato na sua região.


FAQ - Perguntas e Respostas

O que é Dicloxacilina?

Dicloxacilina é uma penicilina utilizada no tratamento de infecções bacterianas produtoras de penicilinase que são suscetíveis ao medicamento.

As informações do Dicloxacilina são verdadeiras?

As informações sobre o medicamento contidas nessa página podem não refletir total realidade, visto que pesquisas são atualizadas constantemente e informações podem divergir de diferentes bancos de dados, por esse motivo recomendamos consultar sempre a bula do medicamento e utilizar apenas com auxilio médico.

pt_BRPortuguese