Cinamaldeído - Informações

O cinamaldeído é um composto orgânico com aroma característico de canela. Nessa página você tem acesso a todas as informações sobre Cinamaldeído, como indicações de uso, contraindicações, efeitos colaterais, informações químicas, preço, história, origem, efeitos e outros. 

Índice de Conteúdo
- Informações
- História
- Indicações
- Efeitos Colaterais
- Contra Indicações
- Como Usar
- Média de Preço
- Outras Substâncias
- FAQ

Informações Básicas do Cinamaldeído

Veja abaixo todos os detalhes e informações sobre Cinamaldeído:

  • Nome: Cinamaldeído
  • Nome em Inglês: Cinnamaldehyde
  • Nome Genérico:
  • Tipo:
  • Fórmula Química: C9H8O

Informações Avançadas:

  • Nome químico: (E)-3-phenylprop-2-enal
  • Formula molecular: C9H8O
  • Peso molecular: 132.16 g/mol
  • Classe terapêutica: Aromatizante, agente antimicrobiano, agente antifúngico
  • Mecanismo de ação: Inibição da proliferação de microorganismos, atividade antioxidante, potencial anti-inflamatório
  • Forma de administração: Inalação, uso tópico, ingestão oral em doses controladas

Cinamaldeído - História, Descoberta e Origem

O cinamaldeído é um composto orgânico que pertence à classe dos aldeídos. Sua fórmula química é C9H8O e sua estrutura molecular é composta por um anel benzênico com um grupo aldeído ligado a ele. É um líquido incolor ou amarelado, altamente volátil, com um odor característico de canela. O cinamaldeído é encontrado naturalmente em diversas plantas, como a canela, a casca de noz-moscada, a folha de louro e a baunilha.

A história do cinamaldeído remonta à antiguidade, quando era utilizado como condimento e aromatizante de alimentos. No entanto, foi somente em 1834 que o químico alemão Justus von Liebig conseguiu isolar a substância a partir da casca de canela. Ele também foi o responsável por dar o nome cinamaldeído ao composto, derivado do grego "kinnamomon", que significa canela.

Com o passar dos anos, o cinamaldeído passou a ser produzido em larga escala por meio da síntese química, utilizando como matéria-prima o benzeno e o acetileno. Atualmente, é amplamente utilizado na indústria de alimentos, cosméticos e perfumaria, devido ao seu aroma agradável e propriedades antioxidantes e antimicrobianas.

Além disso, o cinamaldeído também possui diversas aplicações na área farmacêutica, sendo utilizado no tratamento de doenças respiratórias, como a asma, e como agente anti-inflamatório e analgésico. Estudos também mostram que o composto pode ser eficaz no tratamento de doenças neurodegenerativas, como o Alzheimer e o Parkinson.

Apesar de ser considerado seguro para uso em alimentos e produtos de higiene pessoal, o cinamaldeído pode causar irritação na pele e nas mucosas em pessoas sensíveis. Por isso, é importante seguir as recomendações de uso e concentração indicadas pelos fabricantes.

Em resumo, o cinamaldeído é um composto de origem natural, com uma longa história de uso na culinária e na medicina tradicional. Atualmente, é amplamente utilizado na indústria, sendo considerado um ingrediente valioso devido às suas propriedades aromáticas e terapêuticas. Além disso, é um exemplo de como a ciência e a tecnologia podem transformar uma substância natural em um produto versátil e de grande importância para a sociedade.

Indicações de uso - Cinamaldeído

Veja abaixo em quais ocasiões é recomendado o uso de Cinamaldeído:

  • Substância química
  • Utilizada na indústria de perfumes e fragrâncias
  • Pode ser encontrada em óleos essenciais de canela, noz-moscada e outras plantas
  • Tem um aroma forte e doce
  • Pode ser usado como aditivo alimentar para dar sabor e aroma
  • Tem propriedades antioxidantes e anti-inflamatórias
  • É utilizado na produção de medicamentos para tratar problemas gastrointestinais e respiratórios
  • Pode ser usado na fabricação de produtos de higiene bucal
  • É um ingrediente comum em produtos de limpeza e desinfetantes
  • Pode ser utilizado como repelente natural de insetos

Efeitos Colaterais - Cinamaldeído

Veja abaixo alguns efeitos colaterais do Cinamaldeído

  • Dor de cabeça
  • Náuseas
  • Dificuldade respiratória
  • Irritação na pele
  • Alergias cutâneas
  • Inflamação nas vias respiratórias
  • Alterações no paladar
  • Distúrbios gastrointestinais
  • Irritação nos olhos
  • Reações alérgicas

Vale lembrar que os efeitos colaterais do Cinamaldeído não significa necessariamente que você vai sentir esses sintomas. Em casos raros alguns sintomas podem aparecer,

ContraIndicações - Cinamaldeído?

  • Reações alérgicas em pessoas sensíveis ao cinamaldeído
  • Irritação da pele e dos olhos
  • Problemas respiratórios em pessoas com asma ou outras doenças pulmonares
  • Dor de cabeça e tonturas em pessoas sensíveis ao cheiro do cinamaldeído
  • Interações com medicamentos que podem causar efeitos adversos

Como Usar Cinamaldeído

O cinamaldeído pode ser usado de várias maneiras, incluindo como aromatizante em alimentos e bebidas, como fragrância em produtos de cuidados pessoais e em síntese orgânica para criar compostos químicos específicos. É importante seguir as instruções de uso adequadas para o seu aplicativo específico e consultar um profissional qualificado ao lidar com produtos químicos.

Média de Preço do Cinamaldeído - Quanto Custa?

Abaixo temos uma lista com a média de preço do Cinamaldeído em diferentes países, levando em consideração que esse valor pode estar bem diferente da realidade, com uma margem de erro de 50% a 100% mais caro ou mais barato.

  • Brazil: R$ 50,00
  • EUA: $12.00
  • Euro: €10,00

Os preços do Cinamaldeído podem ter diferenças gritantes de um país para o outro, dependendo da sua política de preços e volatilidade. Essa lista de preço é apenas para dar uma noção se o produto é caro ou barato na sua região.


FAQ - Perguntas e Respostas

O que é Cinamaldeído?

O cinamaldeído é um composto orgânico com aroma característico de canela.

As informações do Cinamaldeído são verdadeiras?

As informações sobre o medicamento contidas nessa página podem não refletir total realidade, visto que pesquisas são atualizadas constantemente e informações podem divergir de diferentes bancos de dados, por esse motivo recomendamos consultar sempre a bula do medicamento e utilizar apenas com auxilio médico.

pt_BRPortuguese