Amodiaquina - Informações

Amodiaquina é um medicamento antimalárico. Nessa página você tem acesso a todas as informações sobre Amodiaquina, como indicações de uso, contraindicações, efeitos colaterais, informações químicas, preço, história, origem, efeitos e outros. 

Índice de Conteúdo
- Informações
- História
- Indicações
- Efeitos Colaterais
- Contra Indicações
- Como Usar
- Média de Preço
- Outras Substâncias
- FAQ

Informações Básicas do Amodiaquina

Veja abaixo todos os detalhes e informações sobre Amodiaquina:

  • Nome: Amodiaquina
  • Nome em Inglês: Amodiaquine
  • Nome Genérico:
  • Tipo:
  • Fórmula Química: C20H22ClN3O

Informações Avançadas:

  • Nome químico: 4-[(7-chloroquinolin-4-yl)amino]-2-[(diethylamino)methyl]phenol
  • Formula molecular: C20H22ClN3O
  • Peso molecular: 355.86 g/mol
  • Classe terapêutica: Antimalárico
  • Mecanismo da ação: Inibição da polimerização dos microtúbulos dos parasitas do Plasmodium falciparum
  • Forma de administração: Oral

Amodiaquina - História, Descoberta e Origem

Amodiaquina é um medicamento utilizado no tratamento da malária, uma doença infecciosa transmitida pela picada do mosquito Anopheles. A droga é um derivado da cloroquina e foi criada em 1946 pelo químico alemão Johann Friedrich Büsing, mas só começou a ser utilizada em larga escala na década de 1950.

A malária é uma doença que afeta principalmente países tropicais e subtropicais, sendo responsável por milhões de casos e mortes anualmente. A amodiaquina é considerada uma das drogas mais eficazes no combate à malária, sendo utilizada tanto para tratar a doença como para preveni-la.

A origem da amodiaquina está relacionada com a descoberta da cloroquina, em 1934, por Hans Andersag e seus colegas de trabalho na empresa farmacêutica Bayer. A cloroquina se mostrou eficaz no tratamento da malária, mas logo surgiram casos de resistência ao medicamento, o que levou à busca por novas substâncias.

Foi então que Büsing, trabalhando na empresa Hoechst AG, desenvolveu a amodiaquina a partir da cloroquina, modificando sua estrutura química para torná-la mais potente e com menos efeitos colaterais. A nova droga foi patenteada em 1947, mas só começou a ser produzida em grande escala na década de 1950.

Desde então, a amodiaquina se tornou um dos principais medicamentos no tratamento da malária, sendo utilizada em combinação com outras drogas para evitar a resistência. Além disso, a droga também é utilizada no tratamento de outras doenças, como artrite reumatoide e lúpus.

Apesar de sua eficácia no combate à malária, a amodiaquina pode causar efeitos colaterais, como náuseas, vômitos, dores de cabeça e alterações no ritmo cardíaco. Por isso, seu uso deve ser feito com acompanhamento médico e em doses adequadas.

Em resumo, a amodiaquina é uma droga importante no tratamento da malária, que teve sua origem na busca por uma alternativa à cloroquina. Graças ao seu desenvolvimento, milhões de vidas já foram salvas e continuará sendo uma importante arma no combate a essa doença tão grave.

Indicações de uso - Amodiaquina

Veja abaixo em quais ocasiões é recomendado o uso de Amodiaquina:

  • Tratamento de malária
  • Prevenção de malária em regiões endêmicas
  • Tratamento de infecções por amebas
  • Tratamento de infecções por protozoários
  • Tratamento de infecções por giardíase
  • Tratamento de infecções por babesiose
  • Prevenção de malária em viajantes para regiões endêmicas
  • Tratamento de infecções por babesiose em pacientes imunocomprometidos
  • Tratamento de infecções por amebas em pacientes imunocomprometidos
  • Tratamento de malária em gestantes

Efeitos Colaterais - Amodiaquina

Veja abaixo alguns efeitos colaterais do Amodiaquina

  • Náuseas
  • Vômitos
  • Dor abdominal
  • Diarreia
  • Perda de apetite
  • Dor de cabeça
  • Tontura
  • Fraqueza
  • Fadiga
  • Insônia
  • Sonolência
  • Alterações na visão
  • Erupções cutâneas
  • Coceira
  • Febre
  • Aumento da sensibilidade à luz solar
  • Anemia
  • Leucopenia (diminuição dos glóbulos brancos no sangue)
  • Trombocitopenia (diminuição das plaquetas no sangue)
  • Reações alérgicas
  • Hepatotoxicidade (lesão no fígado)

Vale lembrar que os efeitos colaterais do Amodiaquina não significa necessariamente que você vai sentir esses sintomas. Em casos raros alguns sintomas podem aparecer,

ContraIndicações - Amodiaquina?

  • Gravidez
  • Lactação
  • Hipoglicemia
  • Malária cerebral
  • Doença hepática
  • Doença renal
  • Distúrbios sanguíneos
  • Distúrbios cardíacos
  • Distúrbios do sistema nervoso central
  • Doença de pele

Como Usar Amodiaquina

A amodiaquina é um medicamento antimalárico e só deve ser usada sob prescrição médica. Recomenda-se seguir as orientações do médico quanto à dosagem, frequência e duração do tratamento. É importante tomar o medicamento com alimentos para diminuir o risco de problemas no estômago. Não interrompa o tratamento antes do final, a menos que seja orientado pelo médico. Sempre verifique com um profissional de saúde antes de usar a amodiaquina.

Média de Preço do Amodiaquina - Quanto Custa?

Abaixo temos uma lista com a média de preço do Amodiaquina em diferentes países, levando em consideração que esse valor pode estar bem diferente da realidade, com uma margem de erro de 50% a 100% mais caro ou mais barato.

  • Brazil: R$ 25,00
  • EUA: $8,00
  • Euro: €7,00

Os preços do Amodiaquina podem ter diferenças gritantes de um país para o outro, dependendo da sua política de preços e volatilidade. Essa lista de preço é apenas para dar uma noção se o produto é caro ou barato na sua região.


FAQ - Perguntas e Respostas

O que é Amodiaquina?

Amodiaquina é um medicamento antimalárico.

As informações do Amodiaquina são verdadeiras?

As informações sobre o medicamento contidas nessa página podem não refletir total realidade, visto que pesquisas são atualizadas constantemente e informações podem divergir de diferentes bancos de dados, por esse motivo recomendamos consultar sempre a bula do medicamento e utilizar apenas com auxilio médico.

pt_BRPortuguese