Albendazol - Informações

O Albendazol é um vermífugo benzimidazólico usado para tratar neurocisticercose parenquimatosa e outras infecções por helmintos. Nessa página você tem acesso a todas as informações sobre Albendazol, como indicações de uso, contraindicações, efeitos colaterais, informações químicas, preço, história, origem, efeitos e outros. 

Índice de Conteúdo
- Informações
- História
- Indicações
- Efeitos Colaterais
- Contra Indicações
- Como Usar
- Média de Preço
- Outras Substâncias
- FAQ

Informações Básicas do Albendazol

Veja abaixo todos os detalhes e informações sobre Albendazol:

  • Nome: Albendazol
  • Nome em Inglês: Albendazole
  • Nome Genérico: Albendazole
  • Tipo: Small Molecule
  • Fórmula Química: C12H15N3O2S

Informações Avançadas:

  • Nome químico: Methyl 5-(propylthio)-1H-benzimidazol-2-yl carbamate
  • Formula molecular: C12H15N3O2S
  • Peso molecular: 265.33 g/mol
  • Classe terapêutica: Antiparasitic Agent
  • Mecanismo de ação: Inibição da polimerização dos microtúbulos no parasita
  • Forma de administração: Oral

Albendazol - História, Descoberta e Origem

Albendazol é um medicamento antiparasitário usado para tratar uma variedade de infecções causadas por parasitas. Também é conhecido pelo nome comercial Zentel, e é comumente usado para tratar infecções por vermes intestinais, como a lombriga, a tênia e a ancilostomíase.

O Albendazol foi desenvolvido na década de 1970 pela empresa farmacêutica GlaxoSmithKline e foi aprovado para uso médico em 1982. Ele pertence a uma classe de medicamentos chamados benzimidazóis, que são eficazes contra uma ampla gama de parasitas, incluindo vermes redondos, vermes achatados e vermes microscópicos.

O Albendazol age impedindo o crescimento e a reprodução dos parasitas, levando à sua morte. Ele também tem propriedades anti-inflamatórias, o que ajuda a reduzir a inflamação causada pelas infecções parasitárias.

Além de ser usado no tratamento de infecções parasitárias, o Albendazol também é utilizado para tratar certas condições causadas por parasitas, como a neurocisticercose (infecção do cérebro causada pela larva da tênia) e a hidatidose (infecção causada pela larva do parasita Echinococcus granulosus).

O medicamento é geralmente administrado em forma de comprimido, e a dose e a duração do tratamento variam de acordo com o tipo e a gravidade da infecção. É importante seguir as instruções médicas e completar o tratamento para garantir a eficácia do Albendazol.

Apesar de ser considerado um medicamento seguro e eficaz, o Albendazol pode causar alguns efeitos colaterais, como náusea, dor abdominal, diarreia e tontura. Em casos mais raros, pode ocorrer reações alérgicas graves. Por isso, é importante informar ao médico sobre qualquer alergia ou problema de saúde antes de iniciar o tratamento.

Em resumo, o Albendazol é um medicamento importante no combate às infecções parasitárias e tem sido usado com sucesso há décadas. Seu uso adequado e seguimento médico são essenciais para garantir a erradicação dos parasitas e a recuperação completa da saúde do paciente.

Indicações de uso - Albendazol

Veja abaixo em quais ocasiões é recomendado o uso de Albendazol:

  • Para que serve:
    • Tratamento de infecções causadas por parasitas, como vermes e lombrigas
    • Pode ser utilizado para tratar infecções como giardíase, ascaridíase, enterobíase, toxocaríase, entre outras
    • Pode ser utilizado como prevenção em áreas endêmicas de parasitoses intestinais
  • Indicações:
    • Indicado para adultos e crianças acima de 1 ano de idade
    • Não deve ser utilizado por gestantes, lactantes e pacientes com alergia ao medicamento
    • Deve ser administrado sob prescrição médica e seguindo as orientações de dosagem e duração do tratamento

Efeitos Colaterais - Albendazol

Veja abaixo alguns efeitos colaterais do Albendazol

  • Náuseas
  • Vômitos
  • Dor abdominal
  • Diarreia
  • Tontura
  • Dor de cabeça
  • Fadiga
  • Sonolência
  • Perda de apetite
  • Tremores
  • Insônia
  • Alterações visuais
  • Erupções cutâneas
  • Aumento das enzimas hepáticas
  • Anemia
  • Leucopenia
  • Trombocitopenia
  • Reações alérgicas
  • Crises convulsivas (em casos raros)

Vale lembrar que os efeitos colaterais do Albendazol não significa necessariamente que você vai sentir esses sintomas. Em casos raros alguns sintomas podem aparecer,

ContraIndicações - Albendazol?

  • Não deve ser utilizado em pacientes com hipersensibilidade conhecida ao albendazol ou a qualquer outro componente da fórmula.
  • Deve ser evitado em pacientes com doenças hepáticas graves.
  • Não é recomendado para mulheres grávidas ou que estejam amamentando.
  • Pacientes com histórico de doenças neurológicas, como epilepsia, devem evitar o uso de albendazol.
  • Não deve ser utilizado em crianças menores de 2 anos, a menos que seja indicado por um médico.
  • Pacientes com problemas renais devem ter cautela ao utilizar albendazol.
  • O uso concomitante com outros medicamentos pode causar interações, por isso é importante informar ao médico sobre todos os medicamentos em uso.
  • Pacientes com doenças do sangue, como anemia, devem ter cautela ao utilizar albendazol.
  • O uso prolongado ou em altas doses pode causar efeitos colaterais graves, como danos ao fígado e aos rins.
  • Pacientes com problemas oculares, como catarata, devem evitar o uso de albendazol.

Como Usar Albendazol

O albendazol é um medicamento utilizado no tratamento de infecções por vermes, como a lombriga e a solitária. O modo de uso do albendazol pode variar de acordo com a prescrição médica e a condição a ser tratada. Geralmente, é administrado por via oral, com ou sem alimentos, conforme orientação médica. É importante seguir rigorosamente as indicações do médico e a posologia prescrita, além de ler atentamente a bula do medicamento. Em caso de dúvidas, consulte um profissional de saúde.

Média de Preço do Albendazol - Quanto Custa?

Abaixo temos uma lista com a média de preço do Albendazol em diferentes países, levando em consideração que esse valor pode estar bem diferente da realidade, com uma margem de erro de 50% a 100% mais caro ou mais barato.

  • Brazil - R$ 15,00
  • EUA - $10,00
  • Euro - €8,00

Os preços do Albendazol podem ter diferenças gritantes de um país para o outro, dependendo da sua política de preços e volatilidade. Essa lista de preço é apenas para dar uma noção se o produto é caro ou barato na sua região.


FAQ - Perguntas e Respostas

O que é Albendazol?

O Albendazol é um vermífugo benzimidazólico usado para tratar neurocisticercose parenquimatosa e outras infecções por helmintos.

As informações do Albendazol são verdadeiras?

As informações sobre o medicamento contidas nessa página podem não refletir total realidade, visto que pesquisas são atualizadas constantemente e informações podem divergir de diferentes bancos de dados, por esse motivo recomendamos consultar sempre a bula do medicamento e utilizar apenas com auxilio médico.

pt_BRPortuguese